Publicidade
• Nesta edição
• Edições anteriores
• Receba a newsletter
home / dieta /

aliados da dieta

Assine o RSS de Dieta

Pílulas naturais para emagrecer

Remédio para tirar fome? Só mesmo se o seu médico fizer questão. Para dar uma força na sua dieta, a pedida é apostar nas novas substâncias naturais que ajudam a queimar os excessos mais rapidinho, sem mexer com o seu equilíbrio

Por Eliane Contreras

Pote com pílulas naturais Marcelo Zocchio

Você está firme na dieta e nos exercícios, mas os resultados estão custando a aparecer... Não desanime. Substâncias extraídas da natureza podem, sim, dar um empurrãozinho. Cinco delas, já vendidas em pílulas, estão sendo prescritas com sucesso por médicos que adotam a fitoterapia como coadjuvante na perda de peso. Elas têm efeito parecido aos da nova geração de medicamentos alopáticos, que aceleram o metabolismo ou reduzem a absorção de gordura ou de carboidrato sem interferir no sistema nervoso central. “A vantagem das substâncias naturais é agir de maneira suave, respeitando o funcionamento do corpo”, explica a médica homeopata Marcia Jablonka Kelman, de São Paulo (SP).

Mas nem pense em se automedicar. “Doses erradas podem causar efeitos colaterais perigosos ou simplesmente não funcionar”, alerta Luiz Antonio Batista da Costa, presidente da Associação Médica Brasileira de Fitomedicina (Sobrafito), regional Sul. Em alguns casos, o profissional pode combinar até três dessas substâncias numa mesma fórmula para que o tratamento tenha sucesso, além de prescrever suplementações para que as substâncias atuem sem qualquer prejuízo à sua saúde. “Algumas impedem, por exemplo, que o corpo absorva as vitaminas lipossolúveis, como as A, E e D. E isso precisa ser compensado”, diz Marcia. Agora veja as plantas que podem ajudá-la a acelerar o seu projeto curvas.

Drible na gordura


Você sabe que precisa reduzir o consumo de gordura para perder os quilinhos extras, mas não adianta: as frituras, os queijos amarelos e os embutidos continuam fazendo parte do seu cardápio. O extrato seco do fruto da Cassia nomame, também conhecido por casiolamin, pode diminuir o “peso” desses alimentos. “Ele inibe a ação da enzima lipase, responsável pela digestão da gordura, que, impedida de ser absorvida pelo corpo, é eliminada”, explica Luiz Antonio. Em estudo da Universidade Okahama, no Japão, a casiolamin se mostrou capaz de reduzir em 30% a absorção da gordura ingerida, favorecendo o emagrecimento. “O extrato é indicado principalmente para quem precisa perder peso e ao mesmo tempo baixar os níveis de colesterol ruim”, diz o médico.

Menos gordura e mais músculo


A fim de emagrecer e ficar fortinha? O piruvato de cálcio, extraído de frutas e legumes, pode ajudar. De acordo com estudo feito no Centro Médico da Universidade de Pittsburgh, nos Estados Unidos, essa substância estimula a queima de gordura. “Esse processo gera energia e a garota tem mais disposição para malhar”, afirma Marcia. E, pegando firme nos exercícios com sobrecarga, os músculos aparecem mais rápido. “Mas essa substância deve ser usada com cuidado para não ter efeito contrário. Consumida de maneira errada ou indiscriminada pode aumentar o apetite”, alerta a médica.

Metabolismo acelerado


O chá verde, extraído da planta Camellia sinensis, emagrece. Sim, além de prevenir diversos tipos de câncer, diminuir o colesterol, proteger os pulmões e os neurônios e retardar o envelhecimento, a erva faz o corpo queimar 5% a mais de calorias. “Isso se deve aos polifenóis e à cafeína presentes na composição”, diz o farmacêutico Carlos Muniz de Souza, representante da Sociedade Brasileira de Farmacognosia, regional Sudeste. Essa erva ainda tem propriedades que garantem a regularização das funções digestivas, reduzindo a incidência de prisão de ventre, gases e digestão lenta. Por isso, o apetite diminui e o peso também.

Queima de estoques


Metabolismo lento e má digestão são sintomas que ameaçam o resultado de qualquer dieta. O Citrus aurantium, ou Advantra Z, obtido da laranja amarga, pode agitar o ritmo do seu organismo. “Estudos clínicos mostraram que componentes da fruta aceleram o metabolismo, promovendo uma maior queima de calorias e, conseqüentemente, dos estoques de gordura”, explica Marcia Kelman. Quem faz exercício pode se beneficiar em dobro: além da queima de gordura gerar mais energia, o Citrus estimula a liberação de adrenalina. Com todo esse pique, você melhora a performance e ganha mais massa magra, claro, desde que seu treino inclua sessões de musculação. “Apesar de ter uma ação próxima à da efedrina (Ephedra sinica, também conhecida como Ma Huang) – proibida por acelerar os batimentos cardíacos e a pressão arterial, aumentando o risco de insônia, nervosismo, infarto e derrame –, o Citrus é mais seguro. Ele se liga a receptores encontrados no tecido gorduroso, ativando o metabolismo e a queima de gordura sem interferir no sistema cardiovascular”, garante a médica. Outra explicação para a substância ajudar a definir a musculatura, é deixar os aminoácidos mais acessíveis para a formação da proteína — indispensável para a construção e manutenção dos músculos. “O Citrus aurantium também tem propriedade digestiva, melhorando a absorção dos nutrientes e protegendo o estômago”, afirma Carlos Muniz.

Produção Gláucia Moreira

Leia também
 
Busca BOA FORMA
FITNESS DIETA RECEITA
publicidade  |  Anuncie
 
publicidade  |  Anuncie