Publicidade
• Nesta edição
• Edições anteriores
• Receba a newsletter
home / dieta /

aliados da dieta

Assine o RSS de Dieta

Probióticos!? Sim, obrigada!

Esses produtos regulam o intestino e reforçam suas defesas. Não fique sem eles!

Por Eliane Contreras

probióticos Carlos Bessa

Stress, excesso de doce e gordura, dieta pobre em fibras. Tudo isso agride a flora intestinal, que responde com gases, intestino preguiçoso ou diarreia. Os produtos com probióticos (bactérias vivas que resistem ao processo de digestão e chegam intactas ao intestino, onde atuam de maneira positiva) podem ajudá-la a sair desse sufoco. “Consumidas com regularidade e em doses adequadas, elas ainda reforçam o sistema imunológico, aumentam a absorção do cálcio, reduzem o colesterol ruim e protegem o estômago”, afirma a nutricionista Ana Paula Tasca, de São Paulo. Ainda são poucos os produtos enriquecidos com probióticos e, mesmo assim, nem todos ressaltam essa qualidade no rótulo. Por isso, vasculhe a embalagem e atente para nomes como Bifidobacterium e Lactobacillus. São as bactérias do bem mais usadas nos alimentos – principalmente em iogurtes, leites
fermentados e sobremesas lácteas. 

Saiba tudo sobre as bactérias amigas

Quem tem o intestino regulado precisa de produtos probióticos?
Estimular o funcionamento do intestino não é o único benefício desses alimentos. Os especialistas costumam recomendá-los para auxiliar no trabalho de absorção dos nutrientes e até para deixar você mais resistente a gripe e infecções. Mas, nesse caso, aposte nas bactérias do gênero Lactobacillus. Apesar de agir no intestino, elas aumentam as defesas do organismo.

Com que frequência devo consumir e em que quantidade?
Todo dia. E, para obter os benefícios esperados, os estudos científicos mostram que você pecisa ingerir no mínimo 10 UFC (Unidades Formadoras de Colônia) por dia (algo em torno de 100 milhões de bactérias probióticas). A maioria dos iogurtes e leites fermentados garante essa dose num único potinho. Portanto, basta um por dia.

O excesso faz mal?
Não. “O que se observa é que, consumidos numa dose até três vezes maior que o recomendado,
os probióticos têm os efeitos positivos potencializados. Mais do que isso, eles são eliminados nas fezes”, diz a nutricionista Ana Paula Tasca.

Os efeitos positivos dos probióticos são imediatos?
Algumas pessoas notam diferenças boas no intestino um dia depois de consumi-los. Outras precisam de mais tempo. Mas o prazo máximo comprovado em estudos é de 15 dias, quando a flora está recuperada e o ritmo do intestino regularizado.

Por quanto tempo posso consumir alimentos probióticos?
Não é necessário suspender o consumo. As bactérias probióticas não sobrevivem por muito tempo no nosso organismo e, se quiser manter os benefícios dessas aliadas, você deve consumi-las com frequência.

Qual é o prazo de validade de um iogurte probiótico?
O mesmo de um iogurte normal: cerca de 45 dias. Porém, para manter as bactérias vivas, é importante conservar o produto numa temperatura entre 4ºC e 10ºC (no máximo). Portanto, evite deixá-lo fora da geladeira e, se possível, use uma sacola térmica para transportá-lo do supermercado para casa.

Leia também
 
Busca BOA FORMA
FITNESS DIETA RECEITA
publicidade  |  Anuncie
 
publicidade  |  Anuncie