Dieta do suco verde: seque 4 kg e desinche

Ele desintoxica e desinflama o organismo. Tem o poder de melhorar o pique e a digestão, além de deixar a pele mais bonita. Se combinar o suco com um cardápio equilibrado, você ainda perde 4 quilos em 20 dias!

Por Eliane Contreras | Fotos Mari Queiroz

Desde que Flávia Alessandra, Letícia Spiller, Giovanna Antonelli, Guilhermina Guinle e outras estrelas globais se declararam fãs do suco verde, a bebida virou um ícone de beleza e boa forma no cardápio de quem quer estar sempre bem-disposta, com a pele jovem e lisinha. Para garantir esses benefícios, o segredo é você tomar um copo generoso do suco feito com folhas verdes, frutas, legumes, brotos ou sementes pela manhã, ainda em jejum. "É o horário em que o corpo absorve os nutrientes com mais facilidade", explica Patrícia Davidson, da Clínica Patrícia Davidson Haiat, no Rio de Janeiro. Esse efeito é ainda melhor se der para esperar 30 minutos para comer outros alimentos. Logo você sente os efeitos na pele e no pique.

Seu objetivo é emagrecer? Combine o suco verde com uma alimentação balanceada em nutrientes. E, claro, evite doces, frituras e produtos carregados em corantes e conservantes. Afinal, o ponto forte dessa bebida é promover uma faxina no organismo para que, livre do acúmulo de toxinas, ele funcione melhor e, consequentemente, elimine mais facilmente as gordurinhas. O suco tem ainda o poder de combater a inflamação nas células, o que também favorece a dieta!

 

Qual é a receita?

Não existe um modelo único. Os ingredientes do suco verde podem variar de acordo com seu gosto (ou com as possibilidades que você tem na geladeira e na fruteira). Mas tenha cuidado para que estejam fresquinhos, especialmente as folhas (quanto mais verdinhas e firmes, melhor) e, se possível, tenham sido cultivados sem agrotóxicos. "Livres de fertilizantes e defensivos agrícolas, os alimentos orgânicos combinam mais com o propósito de desintoxicar e desinflamar o organismo", diz Patrícia. Caso não encontre tempo de ir ao supermercado com frequência para renovar o estoque, triture as folhas no liquidificador ou processador e congele-as em forminhas de gelo, e vá usando aos poucos. Outra regra básica, segundo Daniela Jobst, nutricionista da clínica Nutrijobst, em São Paulo, é variar a receita para não cansar o paladar. Mas não exagere na quantidade de ingredientes. "Em vez de misturar muitos itens de uma só vez, é melhor variá-los a cada dia. Isso evita que o suco fique calórico, pesado e com gosto forte", avisa Daniela. Veja os grupos de alimento que devem fazer parte do suco e quantos itens usar de cada um deles.

• Folhas (até dois tipos): as verde-escuras (couve, espinafre, rúcula, agrião, salsinha) são as mais indicadas. Ricas em antioxidantes, afastam os radicais livres. Também têm ácido fólico (importante para o sistema nervoso) e, em alguns casos, cálcio (bom para os ossos), magnésio (indispensável para as reações orgânicas) e ferro (diminui o risco de anemia). Se quiser o suco refrescante, coloque ainda hortelã ou capim-cidreira.

• Frutas (até dois tipos): por ser adocicada, a maçã é muito bem-vinda - pode ser usada para substituir o açúcar ou adoçante no suco. E ainda tem pectina - fibra que, entre vários benefícios, varre as toxinas. Ameixa e damasco secos também são boas opções para deixar o suco docinho, assim como as frutas amarelas (pêssego, melão). Já as vermelhas (amora, morango, cereja, ameixa), ricas em antioxidantes, são grandes aliadas da pele lisinha. Fonte de vitamina C, a laranja e a lima-da-pérsia fortalecem o organismo. Abacaxi, melão e pera oferecem vitaminas A, C e as do complexo B (importantes para o sistema imune e o metabolismo) e são frutas diuréticas. Por ter bromelina - mistura de enzimas que desdobram as proteínas -, o abacaxi tem outra vantagem: facilita a digestão. A água de coco repõe minerais e o limão favorece a absorção de ferro presente nos outros ingredientes.

• Legumes (até dois tipos): o pepino tem 95% de água, ou seja, é diurético e dá volume à bebida. A casca é fonte de fibras, potássio e outras substâncias aliadas da pele, do cabelo e das unhas. Outras opções: aipo (diurético) e abóbora (antioxidante).

• Raízes (apenas um tipo): a beterraba e a cenoura têm fibras, betacaroteno e vitaminas C e E - excelentes antioxidantes. O inhame se destaca pelo poder anti-inflamatório, o que ameniza a celulite e reduz o acúmulo de gordurinhas. A batata-doce fornece potássio e fibras - importantes para equilibrar o nível de açúcar no sangue. Para deixar o suco ardidinho, use gengibre, que também é digestivo e acelera o metabolismo.

• Brotos (apenas um tipo): geralmente, as opções encontradas no supermercado são de broto de alfafa ou de feijão (moyashi). As enzimas da semente despertadas durante a germinação eliminam os resíduos e as toxinas acumuladas no organismo, além de facilitar a digestão. As vitaminas e os minerais também ficam mais biodisponíveis (fáceis de serem absorvidos).

• Sementes (apenas um tipo): a de linhaça e a de chia são ricas em ômega 3 - ácido graxo com o poder de desinflamar o organismo. Boas em fibras, elas também ajudam a aumentar a sensação de saciedade. A quinua em flocos, o óleo de coco e as farinhas de coco, banana verde e maracujá são outras opções, com proteína ou gordura do bem, para amenizar a fome.

 

Cardápio equilibrado + suco verde

Beber o suco de folhas e legumes todos os dias de manhã, ainda em jejum, é o segredo desta dieta. Você sente os benefícios na pele, no pique e na cintura - dá para enxugar até 4 quilos em 20 dias!

Café da manhã
OPÇÃO 1: suco verde antioxidante + 1 fatia de pão integral com 1 fatia fina de ricota com 1 col. (café) de azeite extravirgem e 1 pitada de sal

OPÇÃO 2: suco verde energizante + 1 pote de iogurte desnatado (de soja ou sem lactose, de preferência) com 2 col. (sopa) de granola light (ou cereal matinal integral sem açúcar)

OPÇÃO 3: suco verde desintoxicante ou diurético + 1 torrada integral (ou 1 fatia de pão sueco integral) com 1 col. (sobremesa) de geleia sem açúcar

Lanche da manhã
OPÇÃO 1: 5 amêndoas + 10 uva-passas

OPÇÃO 2: gelatina de uva e chia (hidrate 1 envelope/12 g de gelatina incolor sem sabor e misture 1 litro de suco de uva sem açúcar e 1 col./sopa de semente de chia e leve para gelar)

OPÇÃO 3: 3 col. (sopa) de abacate com limão e adoçante (opcional)

Almoço
OPÇÃO 1: salada de folhas (agrião, alface, rúcula) e tomate-cereja + 3 col. (sopa) de arroz integral + 1/2 concha de feijão + 1 tomate assado e recheado com quinua e carne moída (ou 1 filé de carne magra grelhado)

OPÇÃO 2: salada de folhas, cenoura, palmito e tomate-cereja + 2 col. (sopa) de arroz integral + 1 filé grande de frango grelhado com molho mostarda

OPÇÃO 3: salada de folhas, pepino e 2 nozes + 2 col. (sopa) de purê de mandioquinha + 1 filé grande de peixe (atum, robalo, arenque) grelhado

Lanche da tarde
OPÇÃO 1: 1 taça de salada de frutas com 1 col. (sopa) de semente de linhaça triturada

OPÇÃO 2: 1 banana-prata amassada com 1 col. (sobremesa) de semente de chia

OPÇÃO 3: 1 fatia de pão integral com 1 col. (chá) de azeite extravirgem, tomate e orégano

Jantar
OPÇÃO 1: 1 prato (fundo) de sopa de legumes (sugestão: abóbora com cenoura) com frango desfiado

OPÇÃO 2: salada de folhas, tomate e pepino (ou 1 porção de legumes refogados) + 1 filé médio de peixe (saint-peter, abadejo) temperado com limão, azeite e gengibre e assado ou grelhado

OPÇÃO 3: 2 col. (sopa) de quinua cozida + mix de cogumelo (shimeji, shiitake) refogado (ou berinjela refogada) + 1 filé de frango médio grelhado com ervas

Ceia
• 1 fruta (maçã, laranja, pêssego, ameixa)

* Tempere a salada com 1 fio de azeite, limão e pouco sal.

 

 

Gosto bom

Juntar verduras, legumes e especialmente raízes no suco pode não agradar ao seu paladar. Mas existem alguns truques, sugeridos pela nutricionista Patrícia Davidson, para deixar a bebida sempre gostosinha.

• Se optar por espinafre, agrião ou rúcula, misture um punhado de hortelã para mascarar o sabor intenso dessas folhas. O suco também fica mais refrescante.

• Sempre que possível, use água de coco no lugar de água comum. Esse ingrediente deixa a bebida mais saborosa. E, se quiser intensificar a ação diurética, use um chá com esse potencial, como o verde, branco ou de hibisco.

• Para "adoçar" a bebida, acrescente uma quantidade maior de fruta ou legume naturalmente adocicados, como maçã e cenoura. Não use açúcar nem adoçante - eles não combinam com os principais objetivos do suco verde: desintoxicar e desinflamar o organismo.

• Varie as frutas ao máximo. As que mais combinam com folhas verde-escuras são: maçã, laranja, pera, uva, abacaxi, melão e melancia.

Compartilhe
Famosas em Boa Forma
Saiba tudo sobre sua famosa preferida
Rede MdeMulher
Publicidade