Atitudes para ficar mais satisfeita e feliz com seu próprio corpo

Colocá-las em prática vai blindar você daquela negatividade que compromete nossa segurança e bem-estar

Tem dias que a gente acorda se sentindo um pouco insatisfeita com o que vemos no espelho, seja por causa das curvas em excesso seja pelo desgaste que o stress causa. Mas existem técnicas que você pode colocar em prática para melhorar a autoaceitação e, quem sabe, passar até a apreciar pequenos detalhes que fazem de você uma pessoa única.

Ouça seu corpo

Pesquisadores da Inglaterra descobriram que pessoas que dedicam um tempo para ouvir as batidas de seu próprio coração têm uma tendência menor de se sentirem objetificadas e maior de se sentirem bem consigo mesmas. “O primeiro passo para se amar é se conhecer”, conta Marilena Bigoto, psicóloga especialista em desenvolvimento humano e diretora do Espaço Elaborado para o Desenvolvimento e Essência do Ser, em São Paulo. E, para isso, não há nada melhor que tirar um tempo para fazer mapeamento e análise do próprio corpo e sentimentos.

Leia mais: Carolina Ferraz: “Amor próprio nessa vida é tudo, companheiras!”

Brinque com o espelho

Não faça desse momento uma tortura. Se a superfície refletora é sua inimiga número 1, mostre que você é dona da sua própria história e transforme o hábito em algo divertido. Não precisa ser nada muito expressivo – dar uma piscadinha toda vez que passa na frente do espelho ou mandar um beijinho já é suficiente para mudar completamente a dinâmica da situação. Esse pequeno detalhe faz com que, inconscientemente, você aumente sua confiança e se sinta mais aceita – pelo seu reflexo, ou, no caso, você mesma.

Leia mais: “Odeio me olhar no espelho. O que fazer?”, psicólogo responde

Pense no que você gosta em você

Em vez de focar no negativo, inverta o jogo e faça uma lista das qualidades que você sabe que tem. Concentre-se nos detalhes de que você realmente gosta, como a cor do cabelo, o formato do nariz ou até mesmo o tamanho das unhas. “Antes de mais nada, olhe seu corpo sem compará-lo a nenhum padrão de beleza. Cada pessoa é diferente e bonita da sua maneira”, diz Marilena. Olhe para seu corpo com carinho e respeite sua individualidade.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s