Você vai rir com o relato desta mulher que soltou pum na ioga

A situação ocorreu na primeira vez que a americana experimentava a modalidade. Passada a vergonha, ela resolveu compartilhar a história nas redes sociais

“Gostaria de poder dizer que estou inventando esta história, mas não. Isto aconteceu esta noite.” É como a americana Laura Mazza começa a descrever seu relato constrangedor e engraçadíssimo. Ela explica que ter filhos separou seu abdômen “como Moisés fez com o Mar Vermelho” e, por isso, a barriga dela ganhou um aspecto pontudo. Para melhorar o problema, sua fisioterapeuta sugeriu a ioga.

“Cheguei à sala e estava escuro, com velas por todos os lados. (Apenas um pequeno risco de incêndio, pessoal). Estava pensando: caramba, essa história de ioga é real. Não é só ‘5, 6, 7, 8 e alooonga…’ Isto é mais algo do tipo ‘estou a caminho de atingir um estado de iluminação aqui.’”

Leia mais: Sandy revela que ainda luta para a barriga voltar ao lugar depois da gestação

A americana segue dizendo que todos estavam conversando como já se conhecessem há tempos e a professora, que parecia o “mestre Yoda da ioga”, perguntava sobre a vida pessoal de cada um, enquanto tudo o que ela queria era passar despercebida com seu tapete no fundo da sala. O que, certamente, não ocorreu: ela teve de se apresentar para toda classe.

Passado o primeiro momento de vergonha, ela conta sobre seu desempenho na aula. “Nós fizemos o movimento do cachorro para baixo e foi quando eu comecei a sentir a minha barriga. Nas últimas semanas, apresentei vários sintomas de síndrome do intestino irritável. Meus puns cheiram como um mix de ovo podre com resíduos de incineração.”

“Em algum momento entre a posição do golfinho e o cachorro para baixo em três apoios, dois desses ovos de lixo queimado escaparam e eu soltei um pum. Eu soltei um PUM. Eu soltei um PUM NA IOGA. Eu sou um clichê ambulante. Meu assoalho pélvico me deixou na mão.”

Leia mais: Ronco, pum e arroto: o que os barulhos que o seu corpo emite querem dizer?

Pensa que Laura pegou seu mat e saiu de fininho? Não – ainda. Todo mundo permaneceu em silêncio, então, ela continuou com os movimentos. O próximo era uma posição como um sapo e a professora passou forçando a lombar de cada um para baixo.

“Ela vem até mim, empurra minha lombar para baixo… E buuuuuuuuuurrppppfffffff! O mais alto trompete saiu do meu bumbum. Eu congelei e pensei ‘ai, meu Deus. Ai, meu Deus. AI, MEU DEUS. Meu Jesus. O que acabou de acontecer? Eu estou sonhando. Com certeza. Estou em um pesadelo.”

Após a segunda escapada, Laura recolheu suas coisas de qualquer jeito e saiu correndo pela porta, com todos os alunos de joelhos, encarando em choque “ou recém-acordados do coma pós-cheiro”, com própria descreve. Para coroar a saída triunfal, recebeu um “namastê” da professora.

A americana se disse traumatizada e alegou, no post, que nunca mais vai tentar ioga de novo! Mas vale a reflexão: será que não é a hora de quebrar o tabu do pum? A aula de ioga é para se retorcer e relaxar… Soltar gases pode acontecer com qualquer um!

Leia mais: Como escolher peças confortáveis para praticar ioga e pilates

Confira o relato completo no post abaixo:

Fique por dentro de tudo o que rola no mundo fitness com a newsletter da BOA FORMA

Newsletter Conteúdo exclusivo para você
E-mail inválido warning
doneCadastro realizado com sucesso!
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s