Pães e massas terão menor quantidade de sódio a partir deste ano

A meta é retirar 28,5 toneladas do mineral da alimentação dos brasileiros até 2022

A ingestão exagerada de sal está ligada a males como pressão alta, obesidade, problemas renais e até osteoporose. E, embora isso não seja segredo para ninguém, o brasileiro segue abusando do sódio: em média, são consumidos 12 gramas por dia do mineral, segundo o Ministério da Saúde. Para ter ideia, essa quantidade é mais que o dobro da recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que é de 5 gramas.

Leia mais: 6 alimentos que parecem saudáveis, mas são carregados em sódio

Daí porque entidades de saúde têm se esforçado para fazer a população comer menos sal – seja à mesa, controlando-se no uso do saleiro, seja comendo menores quantidades de industrializados, geralmente cheios de sódio. No último dia 13 de junho, o ministro da Saúde, Ricardo Barros, assinou um novo acordo com a Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação (Abia) para uma parceria que valerá para os próximos cinco anos.

A ideia é retirar 28,5 toneladas de sódio do prato dos brasileiros até 2022. A primeira categoria a passar por uma redução são pães de fôrma, massas instantâneas e bisnaguinhas. “É uma área importante por ser a que mais aporta sódio, portanto, sal, na alimentação da população. A parceria com a indústria é essencial para permitir uma redução de sódio na composição dos alimentos”, disse a coordenadora-geral de alimentação e nutrição do Ministério da Saúde, Michele Lessa.

Entenda: Dossiê do sódio

Também está nos planos da pasta e da indústria debater estratégias para baixar o teor de açúcar nos produtos. A meta é lançar, ainda no segundo semestre, o Plano de Redução de Açúcar em Alimentos Industrializados, que será parecido com o de sódio e vai envolver lácteos, bebidas adoçadas, biscoitos, bolos e achocolatados.

Luta contra o sódio

Confira a seguir as metas para tornar pães, bisnaguinhas e massas instantâneas menos prejudiciais à saúde:

Pães de forma

Meta para 2017: alcançar teor máximo de sódio de 450 mg/100g

Meta para 2018: alcançar teor máximo de sódio de 420 mg/100g

Meta para 2020: alcançar teor máximo de sódio de 400 mg/100g

Bisnaguinhas

Meta para 2017: alcançar teor máximo de sódio 388 mg/100g

Meta para 2018: alcançar teor máximo de sódio de 350 mg/100g

Massas Instantâneas

Meta para 2018: alcançar teor máximo de sódio de 1840 mg/100g

Fique por dentro de tudo o que rola no mundo fitness com a newsletter da BOA FORMA

Newsletter Conteúdo exclusivo para você
E-mail inválido warning
doneCadastro realizado com sucesso!
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s