Por que você deve aproveitar os alimentos por inteiro (e como fazer isso) 

Campanha incentiva o uso de 100% das frutas, legumes e verduras – você ganha com mais nutrientes e o planeta com menos lixo

Por Eliane Contreras Atualizado em 3 Maio 2018, 22h34 - Publicado em 2 Maio 2018, 19h28

Se você costuma jogar fora a casca do abacaxi, não sabe o que está perdendo – no mínimo, uma quantidade enorme de fibras (sem falar nos fitoquímicos concentrados nessa parte da fruta). E você pode fazer até a maionese de casca de abacaxi (veja a receita completa aqui) – uma das preparações que o chef Renato Caleffi, do restaurante Le Manjue, em São Paulo, ensinou no Stop Food Waste Day– Salve o Alimento!, campanha lançada na segunda quinzena do mês de abril em dez países, simultaneamente.

  • Ranking do desperdício

    Infelizmente, o Brasil ocupa o décimo lugar no ranking dos países que mais desperdiçam alimentos – os números (no bolso e no lixo) são devastadores:

    • R$ 12 bilhões é um valor aproximado que o país perde com o desperdício de alimentos.
    • 39 milhões de toneladas de alimentos são descartados diariamente (quantidade suficiente para alimentar 78% dos 50 milhões dos brasileiros que passam fome).
    • 28% dos alimentos se perdem no processo de produção agrícola e mais 28% são jogados no lixo após chegarem na casa dos consumidores.
    • 60% do lixo doméstico é composto de restos de comida e sobras.
    • 85% dos consumidores se preocupam com a aparência do alimento – as frutas e os legumes “feinhos” acabam sendo descartados, apesar de apresentarem os mesmos nutrientes (ou até mais, no caso dos orgânicos).

    Fonte: CSA (Agricultura Sustentada pela Comunidade) e ONG Comida Invisível.

    Assine nossa newsletter e fique por dentro das últimas notícias de BOA FORMA

    Faça sua parte

    Utilize os alimentos por inteiro (polpa, casca, talo, folha e semente), sempre que possível. Mas é importante que eles sejam orgânicos e muito bem lavados. Embaixadora da campanha Stop Food Waste Day – Salve o Alimento!, a nutricionista Valéria Paschoal mostrou o que você ganha quando usa…

    …casca

    • Tangerina: 60% das recomendações diárias de cálcio, 32% das de ferro e 19% das de zinco.
    • Abacate: 23% das recomendações diárias de fibras e 8% das de zinco.
    • Banana: 10% das recomendações diárias de magnésio.

    …talos e folhas*

    • Beterraba: quantidade equivalente de fibras e superiores de cálcio e ferro.
    • Brócolis: quantidade superiores de cálcio e potássio.
    • Couve: quantidades equivalentes de fibras e ferro e superiores de vitamina C.
    • Couve-flor: quantidades superiores de fibras e cálcio.
    • Salsa: quantidades superiores de fibras, cálcio e potássio.

    *Quantidades comparadas às partes normalmente consumidas das frutas, legumes e verduras.

  • Stop Food Waste Day

    O objetivo da campanha, organizada no Brasil pela GRSA/Compass (líder em serviços de alimentação), é ajudar a tirar o país do ranking do desperdício. Já a meta global é reduzir 50% de toda a comida perdida no mundo – cerca de 1,3 bilhão de toneladas/ano, enquanto quase 800 milhões de pessoas passam fome.

    Continua após a publicidade
    Publicidade