3 inimigos da barriga sequinha

Vai tirar o biquíni do armário no fim de semana ou pretende, finalmente, apostar no look cropped que comprou recentemente? Comece desde já a reduzir do cardápio os alimentos que não vão colaborar com o abdômen enxuto

Por Eliane Contreras Atualizado em 28 out 2016, 00h05 - Publicado em 3 set 2015, 10h22

Não adianta você aderir aos alimentos e suplementos antibarriga, apostar em um treino power de abdominal, e continuar mandando ver no que aumenta essa área. Então tire do cardápio:


1. Leite

Quando o organismo deixa de produzir a enzima lactase, o que é comum em 85% da população adulta, a lactose passa a ser mal digerida. Resultado: provoca retenção de líquido, sensação de estufamento e distensão abdominal. Não custa fazer o teste: fique 15 dias sem beber leite (até mesmo o desnatado) e observe o efeito na sua cintura.


2. Pães e massas refinadas

Eles são uma fonte de carboidrado de alto índice glicêmico, ou seja, viram açúcar no sangue num piscar de olhos e, com isso, disparam os níveis de insulina. Então prefira as versões integrais e, assim mesmo, reduza o tempo de cozimento da massa (deixe  al dente) e sempre coma o pão acompanhado de uma proteína magra (frango, peixe) ou gordura boa (abacate, óleo de coco).


3. Refrigerantes

Mesmo as versões light, diet e zero são desaconselhadas. São produtos carregados de corantes e conservantes, substâncias que provocam inflamação nas células. E isso faz você acumular gordura e ganhar barriga!

Continua após a publicidade

Publicidade