Atum conservado em água ou óleo? Descubra qual é a melhor opção

Prático e saudável, o atum enlatado é uma excelente alternativa para quem controla o peso e cuida da saúde

Por Eliane Contreras Atualizado em 27 out 2016, 18h51 - Publicado em 27 fev 2016, 13h35

Se o objetivo é deixar a dieta mais leve, fique com o atum em água (ou light). Ele tem 66 calorias em três colheres de sopa – quase metade do que na segunda versão. Mas, se estiver preocupada em dar uma força extra aos ossos e à saúde do coração, prefira a opção em óleo: oferece cinco vezes mais vitamina D e contém uma boa dose de ômega-3. “A diferença na quantidade de proteína, vitamina B12 e selênio – outros nutrientes de destaque no atum – é muito pequena entre um e outro”, afirma a nutricionista
Mariana Nacarato, de São Paulo. Tem dúvida se o peixe fica bem conservado dentro da lata? “Esse tipo de embalagem impede a entrada e a saída de oxigênio e, assim, evita o risco de oxidação – uma reação química que altera a cor e o sabor do alimento.” No atum em óleo, por causa da gordura, essa proteção é ainda maior.

Publicidade