Como cuidar dos cotovelos ressecados?

Sendo uma área com menor número de glândulas sebáceas, os cotovelos podem precisar de um cuidado extra

Por Amanda Ventorin Atualizado em 18 jul 2022, 12h41 - Publicado em 22 jul 2022, 10h00

Muitas vezes você pode sentir que está fazendo tudo certo com a hidratação corporal, mas seus cotovelos estão sempre com um aspecto ressecado. Apesar de ser um pouco frustrante, isso não é incomum, uma vez que a pele dos cotovelos (e joelhos!) possuem texturas diferentes.

POR QUE O COTOVELO FICA MAIS RESSECADO QUE O RESTO DO CORPO

“É uma área naturalmente mais ressecada, com menos glândulas sebáceas. Além disso, os cotovelos sofrem mais atrito como, por exemplo, apoiar os braços em uma mesa e também atrito das roupas. Em resposta, o organismo ‘engrossa’ mais a pele dessa região, como forma de defesa, tornando a pele mais ressecada e às vezes com coloração mais escura”. explica a dermatologista Cláudia Sandri. A área também é propícia a sofrer doenças como psoríase e a hiperceratose palmo plantar, formando uma lesão bem grossa que necessita de cuidados dermatológicos.

COMO CUIDAR DOS COTOVELOS

Algumas condições no nosso dia-a-dia podem agravar o ressecamento da área: apoiá-los sobre superfícies, banhos quentes, sabonete, alimentação (sim!) e até mesmo tecido sintético ou diabetes.

  • skincare específico

Hidratar diariamente com hidratantes especiais é a chave. De acordo com o dermatologista Werick França, apostar em cremes com bases de aloe vera para recuperar a pele danificada, assim como produtos com avelã, coco e argan também são indicados. “Hidratantes específicos contendo ureia, lactato de amônio, dexpantenol, ácido salicílico são indicados” completa Cláudia.

  • cuidados extra

Beber água, se alimentar bem e realizar esfoliações 1x por semana seguidas de hidratação também ajudam a manter a hidratação dessa região. 

Continua após a publicidade

Publicidade