Priscila Conte Vieira: a psicóloga especialista em psicologia positiva é a nova colunista da BOA FORMA Terapia e felicidade, com Priscila Conte Vieira A psicóloga Priscila Conte Vieira (CRP 08/30418), especialista em psicologia positiva, auxilia você a ter uma vida mais leve e mais feliz!

Vício em dopamina

Por Priscila Conte Vieira Atualizado em 5 ago 2022, 12h50 - Publicado em 6 ago 2022, 07h47

A dopamina é um neurotransmissor, produzido naturalmente no nosso corpo, ele atua levando informações para as diversas partes do corpo e quando é liberado, gera a sensação de prazer! A falta dela causa a diminuição de prazer, porém, quando está em excesso pode gerar alguns vícios.

A dopamina causa impulsos nervosos que vão promover as sensações de recompensas e nos gerar prazer, porém, quando ficamos sempre em busca de prazeres “fáceis” e deixamos de lado o propósito, nos afastamos do que já contei em um outro texto aqui sobre a felicidade ser justamente o equilíbrio entre prazer e propósito, e não apenas um deles.

Ou seja, quanto mais focamos nossa atenção para sentir prazer o tempo todo, mais ficamos viciados em prazeres que, a longo tempo, não serão mais tão prazerosos assim!

Por exemplo: uso exacerbado de redes sociais, vídeo game, plataformas de streamers, buscamos prazer pra saciar alguma vontade nossa, gerando um prazer momentâneo porém, a qualidade desse prazer pode ser baixa, então buscamos novamente estímulos para tentar suprir essa vontade e manter o mínimo de felicidade. Porém, o corpo vai se acostumando com as escolhas que vamos fazendo e gerando o vício por esses prazeres.

E o que é preciso ser feito para resgatar a felicidade “genuína” e se livrar desses prazeres fáceis e momentâneos? Precisamos aprender a pausar e a regular nossos prazeres por mais profundos e elaborados, daqueles que envolvemos propósito por trás. Precisamos voltar a sentir tédio de vez em quando e deixar o nosso cérebro ser criativo e pensar em novas maneiras de se divertir!

Ter todos esses prazeres tão de fácil acesso, muitas vezes na palma da mão, faz com que deixemos de dar tanto valor, então precisamos voltar a buscar momentos de prazer com propósito, envolvendo dedicação e, portanto, mais satisfação. Estabilizar os níveis de dopamina, encontrar prazer nos pequenos atos, apreciar o momento presente para ficar mais sensível aos estímulos simples! 

Continua após a publicidade

Agora pare e pense um pouco: Voce realmente sente prazer nas coisas que faz? Mexer no celular te gera prazer? Por quanto tempo ele permanece? Comer doces desenfreadamente gera prazer? O quanto você precisa daquele alimento para te gerar essa satisfação? Quais outros momentos da sua vida você sente prazer? Como pode implementar mais momentos de prazer com propósito? Aprenda a lidar com o tédio, saiba esperar e sentir o tempo, sem precisar deixar sempre uma tv de fundo, já acordar e se conectar com as notificações do celular ou rolar o feed das redes sociais!

Estou com você nessa jornada, buscando sempre encontrar o equilíbrio entre os prazeres e propósitos da vida, para ser ainda mais feliz! 

________________________________________________________________________

Oi, eu me chamo Priscila Conte Vieira, mas pode me chamar de Pri! Sou psicóloga, palestrante, mentora e professora. Atuo na psicologia clínica, sou especialista em Psicologia Positiva e em Terapia Cognitivo Comportamental, master em autoconhecimento, coach de vida, practitioner em PNL e também criadora do Podcast Respira, não pira (que tal dar uma conferida lá no Spotify?!)

Estarei por aqui todas as semanas, abordando temas da Psicologia Positiva, felicidade, bem-estar e os auxiliando a serem as suas melhores versões, por meio do autoconhecimento e florescimento. Para saber mais sobre mim e me acompanhar no dia a dia, é só me seguir no Instagram! Estou por lá como @psi.priscilaconte

Te vejo no próximo Sábado! Até mais <3 

Continua após a publicidade

Publicidade