Como escolher um personal trainer

Siga as dicas para escolher o personal trainer e potencializar seu treino!

Por Redação Boa Forma Atualizado em 15 dez 2016, 13h13 - Publicado em 13 dez 2011, 22h00

Não adianta investir em um personal fera em fisiculturismo se sua meta é melhorar o fôlego. Malhar com personal trainer é um sonho de consumo, mas nem sempre é sinônimo de resultados melhores. Confira alguns mandamentos antes de contratar um professor para chamar de seu:

· Cheque a formação: prefira um professor com diploma de educação física ou esporte – afinal, tem muitos que dão aula porque treinaram a vida inteira e entendem do assunto. A formação garante conhecimento técnico fundamental para a atividade física fazer efeito sem perigo de lesão.

· Alinhe os objetivos: não adianta investir em um personal fera em fisiculturismo se sua meta é melhorar o fôlego. “Na primeira aula, informe o foco que quer dar para o seu treino e certifique-se de que o instrutor está apto para ajudá-la a chegar lá”, fala o personal trainer Leonardo Cordeiro, de São Paulo.

· Faça uma aula: assim, dá para sentir se vocês vão se dar bem. “Na primeira sessão, ele deve investigar seus hábitos alimentares, sua rotina e possíveis limitações físicas para montar um programa sob medida”, diz Leonardo.

Continua após a publicidade
Publicidade