MMA (também) para mulheres

O MMA conquistou também o público feminino e se transformou na atividade perfeita para fugir do monótono e queimar calorias de maneira divertida

Acabou o tédio: pratique MMA para emagrecer, enquanto se diverte
Foto: Getty Images

A luta virou febre com os combates masculinos na televisão, mas as garotas também se tornaram fãs. E não querem saber de ficar só olhando! Várias academias adaptaram a modalidade para aulas que todo mundo pode fazer, queimar muitas calorias e definir o corpo. Veja onde praticar:

Aula no octógono

A Needs foi uma das primeiras academias da capital a ter um octógono para as aulas de MMA. O combate acontece em duplas geralmente separadas por nível de condicionamento e experiência na atividade, mas todo mundo pode participar e não existe aquele contato físico de agarrar o adversário e rolar no chão. Se der sorte, você pode até cruzar com os lutadores Victor Belfort e Daniel Sarafian, que treinam na academia.

· Mensalidade: R$ 309*.
Avenida Açocê, 308, Moema

Clube da luta

A academia Fight Club é especializada em lutas e as aulas de MMA são para quem não se importa de lutar agarrada e se jogar no chão para valer – ali, há mais homens do que mulheres, mas isso não é a motivo para desanimar. A parte técnica da aula inclui golpes, sequências de imobilização e finalizações do boxe, muay thai e jiu-jítsu – tudo em uma hora de duração em um octógono. “Fazer a aula nesse espaço é importante para sentir a dinâmica da modalidade”, fala o professor Gian Gaeta.

· Mensalidade: R$ 230*
Rua Caetés, 283, Perdizes

Briga divertida

Apesar de ser em turma (de mais ou menos 15 alunos), a aula da Companhia Athletica é bem individualizada. “Converso com cada aluna nova para saber o que ela busca com a aula e, assim, conseguir passar os exercícios que melhor atendam ao objetivo dela”, diz o professor Marcelo Oliveira, que já foi lutador profissional de MMA. A aula, de uma hora, começa com um aquecimento e passa para uma sequência de técnicas de lutas que vão evoluindo em dificuldade, mas sempre com uma pegada lúdica e sem luta corpo a corpo com os outros alunos.

· Mensalidade: R$ 484*
Avenida Regente Feijó, 1739, Shopping Anália Franco

MMA (também) para mulheres

Na Reebok, as mulheres vão à luta
Foto: Divulgação

Só ou acompanhada

As aulas da Reebok Sports Club têm capacidade máxima de 16 alunos e estão sempre lotadas. O professor Bruno Steigerwald sabe o motivo: “Além de estar na moda, a luta traz resultados para o físico e para aliviar o stress”. Entre alongamento, aquecimento e técnica, você faz os exercícios sozinha ou em dupla usando bob, almofadas, saco de pancada e outros equipamentos.

· Mensalidade: R$ 489*
Avenida Magalhães de Castro, 12000, Shopping Cidade Jardim, 4º andar, Morumbi

Combate às gordurinhas

A MMA conditioning, da Competition, mescla lutas com trabalho de força. Resultado: corpo bonito, mais agilidade e menos stress. “Depois de um aquecimento, você trabalha duplas de músculos – um dia ombro e abdominal; no outro, braço e perna, por exemplo – em exercícios usando step, halteres, elástico e fitball”, descreve o professor Felipe Palaro. Depois, vêm os golpes de MMA e, uma vez por mês, rola a visita de um professor de uma luta específica para uma aula temática.

· Mensalidade: R$ 450*
Rua Albuquerque Lins, 1080, Higienópolis

MMA (também) para mulheres

Os socos e chutes dão um nocaute nas calorias
Foto: Divulgação

MMA com algo a mais

A aula da Bodytech, batizada de MMA fitness, tem uma hora e meia, reúne lutadores de todos os níveis e idades e acontece em uma sala com tatame. Depois do aquecimento de 15 minutos, os alunos se dividem em duplas e passam pelas estações de chutes, socos e manobras de imobilização que compõem o circuito usando halteres, almofada, saco de pancada, bob e fitball e trabalham o corpo inteiro. É bom levar luva própria para MMA ou bandagem para proteger as mãos. Na unidade da academia no shopping Eldorado, a mesma aula acontece em um octógono.

· Mensalidade: R$ 350*
Rua da Consolação, 2970, Cerqueira César

Na base do grito

Na Edge Life Sports, a aula de MMA já começa a todo vapor: com um aquecimento puxado de 40 minutos, que inclui correr, pular corda, fazer flexões de braço e abdominais – e com direito à turma gritando para aumentar a motivação. Quando a frequência cardíaca já está alta, começa a parte técnica, que varia de uma aula para outra – há dias em que você pratica lutas específicas (boxe, jiu-jítsu e muay thai) e outros em que a sessão é mista.

· Mensalidade: R$ 429*
Rua Pedro Doll, 564, Santana

MMA (também) para mulheres

O MMA deixou de ser uma prática exclusivamente masculina
Foto: Getty Images

Anderson Silva que se cuide!

*Preços pesquisados em abril/2013

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s