Conheça duas estratégias eficientes para diminuir o odor da transpiração

Mantenha as axilas sequinhas com um desodorante natural, sustentável e vegano. A dica é da nossa editora de beleza

Por Gislene Pereira Atualizado em 22 jul 2018, 14h48 - Publicado em 22 jul 2018, 14h45

Inverno é sinônimo de suar menos? Não no meu vocabulário – minha relação com o antitranspirante se mantém mesmo na estação fria. Após testar uma quantidade infindável de marcas, fórmulas e apresentações (roll-on, aerossol, stick…), encontrei um combo para manter as axilas secas o ano todo: fotodepilação + desodorante cristal.

Com apenas quatro sessões mensais de luz pulsada (valor entre R$ 99 e R$ 120, cada uma, na Não+Pelo), meus pelos desapareceram – diminuindo, assim, o acúmulo de resíduos de suor e de produto, que contribuem para o odor.

Mas a grande revolução na minha rotina foi a descoberta de um cristal de sal com alúmen de amônio (tem efeito bactericida) que atua como desodorante natural. Resultado: sem os micro-organismos na pele, o cheiro desagradável fica bem longe de mim – e até das minhas roupas fitness! Para usá-lo, basta molhar a barra e passá-la na região. O mais legal: o produto sustentável (e vegano, não testado em animais…) dura até dois anos. Ou seja, o bolso e o meio ambiente também agradecem. Desodorante Stick Kristall Sensitiv Alva, R$ 89.

Tem alguma dúvida sobre beauté? Escreva para belezaboaforma@abril.com.br que nossa editora Gislene Pereira resolve!

Continua após a publicidade
Publicidade