Mulher faz homenagem à mãe falecida durante Meia Maratona de Edmonton

Para Rebecca Chelmick, a prova – um grande dia para todos os corredores - teve um significado ainda mais importante. Entenda a história emocionante!

Por Redação Boa Forma Atualizado em 22 out 2016, 18h24 - Publicado em 22 ago 2016, 15h59

Sabe aquelas histórias em que o esporte ajuda a realizar sonhos? Essa é umas delas. Durante a Meia Maratona de Edmonton, realizada no Canadá, Rebecca Chelmick aproveitou para concluir um antigo sonho que sua falecida mãe não conseguiu alcançar em vida – completar uma prova de corrida. Há três anos, Rebecca começou a praticar o esporte e completou sua primeira meia maratona com o apoio de sua mãe Linda Benham, que a esperava na linha de chegada.

Na época, Linda estava há seis meses na lista de espera para um transplante de fígado. Antes de morrer, ela expressou o desejo completar uma corrida como sua filha – mesmo se fosse apenas 1 ou 5 quilômetros. Infelizmente, ela não conseguiu atingir seu objetivo. Por isso, Rebecca decidiu cruzar a linha de chegada carregando as cinzas de sua mãe, que foram entregues por filho no último quilômetro. Ao compartilhar sua história, Rebecca deseja inspirar outros a se registrarem como doadores de órgãos para ajudar pessoas como a sua mãe.

 

Confira o momento final da prova:

 

 

Continua após a publicidade

Publicidade