Estes limões podem ajudá-la a identificar o câncer de mama

A imagem viralizou nas redes sociais após uma paciente escrever um relato sobre a verdadeira conscientização da doença

Todo ano, no mês de outubro, nós somos bombardeadas com informações sobre prevenção, diagnóstico e tratamento do câncer de mama. Tantas reportagens, campanhas e ações certamente aumentam muito a conscientização sobre a doença. Mas, recentemente, uma simples imagem de limões que tem circulado nas redes está mostrando a milhares de mulheres a verdadeira face desse tipo de câncer.

Leia mais: Atitudes que ajudam a afastar o câncer de mama e outros tumores

Trata-se de uma foto de doze limões em uma bandeja, cada um com formato diferente. O intuito é mostrar como ficam as mamas de mulheres que têm esse tipo de tumor – enrijecidas, com uma cor alaranjada, com o mamilo retraído ou com um caroço aparente.

Limões em forma de câncer de mama

 (Divulgação/Worldwide Breast Cancer)

A imagem foi feita pela designer britânica Corrine Ellsworth Beaumont para a ONG Worldwide Breast Cancer, que visa informar e ajudar pessoas que sofrem com a doença. Porém, foi a partir de um post no Facebook da americana Erin Smith Chieze – que teve câncer de mama – que a foto se espalhou nas redes sociais.

Entenda: Número de mulheres mortas por câncer deve crescer 60% até 2030

Erin fez a postagem em resposta a uma série de mensagens que estava recebendo acerca de uma campanha de conscientização sobre o câncer de mama em que as usuárias deveriam postar um coração em sua timeline. “Nós precisamos dar informações REAIS, não corações fofos”, criticou a americana no texto.

Na época em que descobriu a doença, em dezembro de 2015, Erin viu uma imagem parecida com a dos limões e, na hora, suspeitou que havia algo errado. “Quando notei que a pele da minha mama estava repuxada que nem na foto, soube instantaneamente que tinha câncer de mama. Tentei sentir o caroço, mas o meu não era palpável”, relata.

Fique por dentro: Comer maçã pode prevenir 5 tipos de câncer, aponta pesquisa

Cinco dias depois, um exame confirmou que havia um tumor maligno ali e, no mês seguinte, a americana descobriu que o quadro era grave, já que o câncer estava em estágio avançado. “Um coração não faz nada pela conscientização. Eu sabia o que era o câncer de mama. Conhecia o autoexame. Mas uma foto que mostrava como ele é de verdade me levou a descobrir que tinha uma doença terminal”, pontua Erin.

Em seu texto – que já foi compartilhado por mais de 42 mil pessoas – ela pede que as pessoas se preocupem menos em brincar e mais em salvar vidas. “Se você quer mesmo ajudar pacientes com câncer ou aqueles que vão ter a doença, compartilhe fotos como esta”, recomenda.

Leia a seguir o texto de Erin na íntegra:

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s