Estudo aponta que diabetes aumenta o risco de câncer sobretudo em mulheres

A pesquisa concluiu que as voluntárias diabéticas eram 27% mais propensas a desenvolverem câncer do que as sem a condição

Uma pesquisa mundial, envolvendo quase 20 milhões de pessoas, revelou que quem possui diabetes tem um risco significativamente maior de desenvolver câncer. Pesquisadores do Instituto George para Saúde Global descobriram que a doença traz ainda maior perigo para as mulheres, especialmente para a leucemia, câncer de estômago, boca e rim.

Esses resultados foram publicados na Revista da Associação Europeia para o Estudo do Diabetes, a Diabetologia, e destacam a necessidade de mais pesquisas sobre o papel da doença no desenvolvimento do câncer. “A ligação entre o diabetes e o risco de desenvolver câncer está agora fortemente estabelecida. Nós também demonstramos pela primeira vez que as mulheres diabéticas são mais propensas a desenvolver qualquer tipo de câncer, principalmente os cânceres renais, orais e estomacais e leucemia”, disse Toshiaki Ohkuma, autor principal do estudo – que analisou dados de 47 países como EUA, Japão, Austrália, China e Reino Unido.

“O número de pessoas com diabetes dobrou mundialmente nos últimos 30 anos, mas ainda temos muito a aprender sobre a doença – e principalmente como ela afeta homens e mulheres de maneiras diferentes”, reforça Toshiaki. A pesquisa conclui que as mulheres diabéticas eram 27% mais propensas a desenvolverem câncer do que as mulheres sem a condição. Para os homens, o risco foi 19% maior.

Além disso, o estudo mostrou que mulheres que sofrem com o excesso de açúcar no sangue tinham 6% de maior probabilidade de desenvolver câncer, em comparação aos homens com diabetes. Os riscos de desenvolver câncer renal foram 11%, de boca, estomago e leucemia foram de 13%, 14% e 15%, respectivamente, maiores em comparação aos homens diabéticos. Já o risco de câncer de fígado foi de 12% menor para as mulheres.

Ligação do diabetes e câncer

Acredita-se que o aumento da glicose no sangue pode ter efeitos causadores de câncer, levando a modificações no DNA. O diabetes afeta mais de 415 milhões de pessoas em todo o mundo e causa cinco milhões de mortes por ano. Entretanto, ele pode ser controlado por um estilo de vida saudável. O exercício físico, por exemplo, aumenta a sensibilidade à insulina das células, controlando a doença.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s