7 ervas que vão deixar suas refeições mais saudáveis

Se você achou que lavanda servia apenas para aromas está engada

Por Mai Dornelles (colaboradora) Atualizado em 28 out 2016, 00h22 - Publicado em 30 nov 2015, 06h00

Você não precisa ir muito longe para encontrar ingredientes que possam incrementar as refeições. Aliás, basta apenas ir ao quintal de casa. Para dar um up na dieta, temperar a comida com ervas é uma santa ajuda. Um pouquinho de orégano aqui e lavanda ali fazem toda a diferença não apenas no sabor, mas também no abastecimento de nutrientes do seu corpo. Confira os benefícios que cada erva traz à sua saúde e monte já sua hortinha em casa.

1. Tomilho

Uma das ervas medicinais mais utilizadas no passado, o tomilho era aplicado para tudo, desde matar germes a curar resfriados. Calma. Não precisa ir correndo fazer um estoque de tomilho e colocar na sua caixa de remédios. Consumir apenas duas colheres de chá da erva por dia já praticamente abastece sua necessidade diária de ferro e te proteje dos refriados. O tomilho também é rico em manganês, um mineral que aumenta a função cerebral e ajuda na composição óssea, na pele e na formação de cartilagem.

2. Salsa

Duas colheres de sopa de salsa fresca irá fornecer mais do que 150 por cento de sua necessidade diária de vitamina K, que desempenha um papel importante na coagulação do sangue, na formação óssea, e função hepática. 

3. Capim-limão

Esta erva é muito usada na medicina natural para aliviar a febre, cãibras musculares, problemas estomacais e dores de cabeça. Carregada com antioxidantes, ajuda a prevenir doenças cardíacas, e até o câncer. Estudos também descobriram que o capim-limão contém propriedades antimicrobianas que combatem a E. coli, bacteria responsável por infecções como a urinária.

4. Orégano

Se você é adepta da praticidade e precisa de apenas uma erva para dar um sabor a mais em qualquer receita, aposte no orégano. Além de ir bem com diferentes tipos de carnes, ele é potente e contém, em média, até 20 vezes mais antioxidantes que as outras ervas, e ainda tem propriedades que combatem o câncer. De acordo com pesquisadores do USDA (Departamento de Agricultura dos Estado Unidos), 1 colher de sopa de orégano fresco tem o mesmo poder antioxidante que uma maçã inteira. 

5. Alecrim

Quem não gosta de um bom bife grelhado? Mas a carne (branca ou vermelha) quando exposta em chamas quentes, como em um churrasco, ocorre a formação das aminas heterocíclicas (HCA) que são compostos cancerígenos. Para inibir a formação das aminas, basta apenas adicionar alecrim no tempero, de acordo com pesquisadores da Universidade de Arkansas, Iowa State University e Universidade do Estado de Kansas. Eles descobriram que cozinhar carnes com alecrim diminui a formação de HCA em 60% a 80%.

6. Coentro

Você pode odiar essa erva, mas depois desta matéria você vai querer adicioná-la em todos os seus pratos. Pesquisadores da Universidade da Califórnia descobriram que um composto no coentro, chamado dodecenal, é quase duas vezes mais eficaz em matar bactérias de salmonela – comumente encontrados em carnes cruas- do que antibióticos comerciais.

7. Lavanda

A maioria das pessoas associa lavanda com velas e aromas para relaxar ou aliviar o stress. Mas essa erva pode proporcionar muito mais benefícios do que apenas esses. Os nutrientes armazenados em suas folhas perfumadas são grandes fontes de cálcio e de vitamina A. A lavanda também tem uma boa quantidade de ferro e vitamina C, em que estes últimos, em particular, ajudam a afastar as chatas alergias sazonais.

 

Continua após a publicidade

Publicidade