9 dúvidas sobre o pó-bronzeador

O produto tem lugar garantido no nécessaire de verão das mulheres antenadas em beleza e saúde. Você também está tirando o melhor proveito do “sol em potinho”? Confira!

Por Olga Penteado (colaboradora) - Atualizado em 28 out 2016, 16h06 - Publicado em 19 dez 2015, 14h00

Fato: protegemos mais a rosto do que o corpo quando nos expomos ao sol, pois, além de usarmos filtro com FPS mais alto, lançamos mão de recursos como chapéu e óculos escuros. Resultado: a face fica bem mais clara, quebrando a harmonia do visual. Solução: o pó bronzeador, que iguala os tons do rosto e do corpo. Você não foi para a praia? Também invista no produto, que dá aquele ar saudável “acabei de retornar das férias”. Porfírio Passos, top maquiador do Studio W Higienópolis, responde as dúvidas mais comuns na hora de usar esse aliado.

1. Vale a pena investir em um pó bronzeador?  
R. Sim, ele cumpre muito bem o papel de uniformizar a cor da pele do rosto com o tom do pescoço e do colo. Eu sempre recomendo “o sol em potinho”. Outra boa pedida é usar o produto após aplicar os filtros solares que deixam a pele com aparência esbranquiçada, para anular esse efeito. 

2. Ele pode ser aplicado em todo o rosto ou apenas em alguns pontos específicos?
R. Das duas formas. Em todo o rosto, suavemente, para uniformizar a cor como um todo. Ou aplicado nos pontos mais altos do rosto: maçãs, centro da testa, centro do nariz e centro do queixo para dar o efeito sunkissed bronzing, de quem acabou de voltar da praia.  

3. Qual o passo a passo para aplicá-lo de forma mais natural?
R. Passe o pincel para pó (ou o para blush, se preferir) suavemente sobre o cosmético. De uma batidinha no pincel, para tirar o excesso. Aplique na testa, da raiz do cabelo em direção à fronte, nas maçãs do rosto cruzando o nariz como se unisse uma bochecha à outra. Eu gosto de aplicar também um pouquinho no queixo. 

4. Como escolher o tom mais adequado para mim?
R. As peles mais claras pedem tons que puxam para o dourado. As mais morenas, que bronzeiam facilmente, combinam com os tons acastanhados, mais escuros.

Continua após a publicidade

5. Pode ser usado com uma base? Ou dispensa o uso dela?
R. Acho melhor passá-lo depois da base ou de um BB Cream, pois  trata-se de pó de acabamento, não de cobertura. 

6. E com o iluminador?
R. Pode. Recomendo os iluminadores com fundo dourado, que enfatizam ainda mais o bronzeado.

7. Dá para fazer o contorno facial com ele?
R. Dá, mais é necessário cuidado e conhecimento. Primeiro, você precisar saber trabalhar com o jogo de luzes (para destacar os pontos do rosto que deseja dar evidência) e sombras (para afinar ou diminuir). Se já domina a técnica, use  um pó bronzeador com tons mais frios, menos avermelhados. Caso contrário, vai ficar parecendo que queimou o rosto na chapa! 

8. Quais são as características de um bom produto?
R. Gosto dos tecnológicos, que passam por várias filtragens, o que deixa o pó ultrafino e melhora o acabamento na pele. Quem precisa de longa duração, deve apostar nos bronzeadores líquidos ou pastosos.  

9. A indústria de beleza tem lançado protetores solares em pó para o rosto. Eles têm a mesma função dos pós-bronzeadores? 
R. São produtos que uniformizam a cor, mas que têm a proteção como função principal. Assim, nesse caso, indico a aplicação no rosto inteiro, no pescoço e até nas orelhas. 

Continua após a publicidade
Publicidade