Como fazer sardas fake com técnica definitiva ou temporária

Uma delas se assemelha à micropigmentação de sobrancelhas e a outra mistura tons de base para criar as marquinhas só com maquiagem!

Por Camila Neves (colaboradora) Atualizado em 31 Maio 2017, 15h40 - Publicado em 31 Maio 2017, 12h40

A moda das sardas falsas – que conquistou Grazi Massafera, Thaila Ayala e Anitta – alcançou outro nível. A nova mania é tatuar o rosto com tinta semipermanente (é isso mesmo que você leu). Desenvolvida pela canadense Gabrielle Rainbow, a técnica, que se assemelha ao preenchimento de sobrancelhas, recria as charmosas pintinhas em pontos no nariz, bochechas e ao redor dos olhos.

Leia mais: Beleza negra: os cuidados de Daniele Damata com pele e cabelo

Não quer passar meses com elas? A make up artist Karla Alexandrina,  de Fortaleza (CE), mistura três tons de base e usa um pincel de ponta fina e firme (como o de lábios) para um resultado natural só com maquiagem: “Sardas fake não precisam ter todas o mesmo tamanho, pois as verdadeiras também são diferentes entre si”, diz. Dê batidinhas com os dedos para retirar o excesso de produto e vá de pó translúcido para selar o acabamento.

Fique por dentro de tudo o que rola no mundo fitness com a newsletter da BOA FORMA 

  • Continua após a publicidade
    Publicidade