Conheça os cremes antimanchas liberados para o verão

Algumas substâncias para tratar as manchas são contraindicadas para a estação mais quente do ano. Mas há uma série de ativos eficazes e seguros

Contar com um bom cosmético clareador é fundamental para, o quanto antes, entrar na guerra contras as manchas. Porém é preciso estar muito atenta aos ativos das fórmulas, já que alguns são sensíveis à luz e, por isso, devem ser usados com a máxima cautela – e supervisão médica – no verão. “É o caso da hidroquinona e do ácido retinoico, dupla antimanchas consagrada, mas que deixa a pele mais fina, irritada e avermelhada, podendo até piorar a mancha caso haja exposição ao sol”, explica o dermatologista Adilson Costa, de São Paulo.

Entra em cena, então, a associação de substâncias alternativas, seguras para a estação. São duas categorias: os inibidores da tirosinase, enzima responsável pela produção de melanina, o pigmento que se deposita no tecido e forma a marca escura. E os antioxidantes, que procuram neutralizar os radicais livres, moléculas que, entre outros malefícios, também estão envolvidas na pigmentação. “São ativos eficientes e ainda ajudam na renovação celular e na uniformização da textura da pele, melhorando a luminosidade e suavizando linhas finas.

Porém, como atuam mais superficialmente, é necessário um tempo maior para que os resultados sejam percebidos”, fala Fernanda Casagrande, dermatologista de Porto Alegre. Ainda assim, a aplicação rigorosa e diária do protetor solar é indispensável. “Dê preferência aos que têm cor de base e, portanto, maior cobertura, inclusive contra a luz visível, como as lâmpadas e a tela do computador”, orienta Adriana Leite, dermatologista de São Paulo.

Aposte neles

Confira os ativos clareadores eleitos pelos dermatologistas para o verão.
Achromaxyl
Ativo botânico que reduz a ação da tirosinase, enzima responsável pela produção de melanina e, portanto, diminui a quantidade desse pigmento no tecido.
Ácido Kójico
Derivado do arroz, também age bloqueando a tirosinase, o que inibe a formação da melanina. Promove um clareamento mais leve.
Ácido Tranexâmico
Antioxidante, atua contra os radicais livres, moléculas nocivas ao organismo e que estão envolvidas na pigmentação da pele. É um clareador estável, que não oxida facilmente e nem sofre mudanças com a variação de temperatura.
Alfa-arbutin
Potente clareador derivado da hidroquinona, mas seguro para o verão. É obtido da uva ursi e impede a formação do pigmento que forma as manchas.
Nicotinamida
Também conhecida como niacinamida ou vitamina B, inibe a transferência de melanina para os queratinócitos, células nas quais a melanina é degradada e eliminada.
Vitamina C
Um dos mais importantes antioxidantes naturais, regula a produção da melanina, deixando a pele mais luminosa, e estimula a síntese de colágeno, suavizando rugas e linhas de expressão.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s