Aprenda como fazer biomassa de banana verde

O purê preparado com a banana verde enriquece as receitas, emagrece e regula o colesterol. Dá para usar em molhos, tortas e no que mais você inventar.

Você já ouviu falar nos inúmeros benefícios da biomassa de banana verde (sacia, ajuda na perda de peso, alimenta as bactérias boas do intestino e melhora os níveis do colesterol), mas nunca se arriscou a preparar? Coragem: é muito fácil (veja o passo a passo no vídeo)! E o purê preparado com a polpa da fruta ainda verde pode ser usado como espessante em diversas preparações – de brigadeiro a molho de macarronada e estrogonofe – sem interferir no gosto (a biomassa é neutra).

Para facilitar a vida, prepare uma boa quantidade de biomassa e congele em forminhas de gelo para usar no dia a dia – bata um cubinho (11 calorias) no suco e acrescente outro no preparo do feijão para você ter acesso a todos os benefícios do purê.

Detalhe: a banana verde ideal para o preparo da biomassa não pode ter sido aclimatizada (processo que acelera o amadurecimento). O problema é que praticamente tudo o que compramos no mercado e nas feiras livres passou por algum tipo de aclimatação para chegar até nós. A boa notícia é que, no embalo das descobertas sobre as propriedades desse alimento, alguns hortifrútis já vendem a banana sem passar pelo processo de aclimatação.

Mais um recado importante: a biomassa é maravilhosa, mas sozinha não faz milagre. Ela deve fazer parte de uma alimentação saudável e equilibrada para que seus benefícios sejam ainda mais destacados.

 Faça você mesma

  1. Primeiro, lembre-se de que a banana verde não deve ter passado por aclimatação – pergunte ao seu fornecedor.
  2. Separe as bananas do cacho com uma faca ou tesoura, com cuidado para que se mantenham íntegras e bem fechadas. Lave com esponja, água e sabão, enxaguando bem.
  3. Em uma panela de pressão, ponha água até a metade. Espere ferver, acrescente as bananas e tampe. Quando começar a soltar o vapor pela válvula, abaixe o fogo e cozinhe por 10 minutos.
  4. Desligue o fogo, mas não abra a panela nem a coloque sob a água da torneira. A pressão deve ser liberada naturalmente.
  5. Rapidamente, descasque a fruta ainda quente com ajuda de um garfo e bata no liquidificador ou no processador até obter uma pasta. Se estiver difícil de bater, junte um pouco de água fervente (não use a água do cozimento). Utilize a biomassa em seguida ou congele. Dura de três a cinco dias na geladeira e até três meses no freezer.
  6. Descongele a biomassa em banho-maria (para não talhar) e só então junte-a às receitas. Pode ser usada congelada apenas em sucos e smoothies.
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Essa biomassa de banana verde é um grande curinga. Dá pra fazer muita coisa com ela. Tenho até uma receita de bolo de banana que usa ela no meu site. Dá uma checada lá porque fica delícioso.

    Curtir