5 maneiras de deixar sua pizza magrinha

Quem disse que a delícia italiana não combina com dieta? Eliane Contreras, nossa editora expert em nutrição, ensina algumas estratégias para que a sua redonda não engorde tanto. Aproveite!

Por Eliane Contreras 30 nov 2015, 17h03

A gente ama pizza. Mas também adora diminuir alguns centímetros no manequim. Então, trocamos os ingredientes calóricos das tradicionais receitas por versões levinhas. É só seguir estes 5 passos:

 1. Use uma massa fininha – pode ser um pão sírio aberto ao meio.

2. Prefira a massa integral que, por ter fibras associadas, sacia mais e diminui a carga glicêmica (CG) da pizza.

3. Acrescente proteína magra (queijo light e ovo) na cobertura. São ingredientes com pouca gordura. Além disso, a proteína também dá uma segurada na velocidade com que o carboidrato da massa é transformado em açúcar no sangue. Você sabe: quanto mais rápido esse processo acontece, maior é a produção de insulina, o hormônio que faz com que o organismo acumule gordurinhas. 

4. Sirva com folhas verdes. Por acrescentar fibras, elas também reduzem a carga glicêmica da pizza.

5. Polvilhe com sementes (chia, girassol, gergelim). Elas são fonte de fibras e gordura boa – este último nutriente também diminui a CG da pizza.  

Continua após a publicidade
Publicidade