Óleo de cártamo emagrece?

Por Thaís Cavalheiro (colaboradora) Atualizado em 28 out 2016, 12h15 - Publicado em 30 jan 2015, 09h33

Barriga lisa

O óleo de cártamo (Cartamus tinctorium) não é novo, mas os últimos estudos confirmaram o poder de acelerar a perda de gordura, especialmente na região abdominal. “Ele diminui as taxas de colesterol e tem propriedades anti-inflamatórias, além de fortalecer o sistema imunológico”, explica a nutricionista Fúlvia Hazarabedian. Rico em ômega-6, atua sobre a gordura marrom, reserva que aumenta a termogênese e faz queimar calorias. “Para buscar a energia de que precisa, o corpo se utiliza da gordura branca, que se deposita na barriga, na linha da cintura e nos quadris”, diz a nutricionista Natana Martins. “Em um mês, já dá para perceber os primeiros resultados.”

Efeitos colaterais: consumido acima do recomendado pode desregular o metabolismo.
 

Consulte um nutricionista antes

Se você estiver decidida a eleger um suplemento para auxiliá-la na perda peso, peça a orientação de um médico ou nutricionista. Apesar de naturais, também exigem cuidados. “Eles são considerados seguros, mas podem ser contraindicados em algumas situações ou apresentar interações com medicamentos”, alerta a farmacêurica Karina Ruiz. E não se iluda. Os produtos naturais antiobesidade são meros coadjuvantes na perda de peso. “Seus efeitos são garantidos quando associados a uma alimentação equilibrada“, ressalta a nutricionista Mariana Duro. Atividade física regular também é essencial para o sucesso do emagrecimento. Outro detalhe importante: investigue a procedência desses suplementos. Ou seja, dê preferência a produtos fabricados por laboratórios conhecidos e com registro na Anvisa. Se a informação não constar do rótulo, recuse.

Publicidade