O que é mana cubiu, a superfruta brasileira

Podendo ser consumida em pó, fruta ou capsúlas, maná cubíu pode ser usado para diversas finalidades, incluindo para a pele

Por Amanda Ventorin Atualizado em 18 jun 2021, 10h50 - Publicado em 23 jun 2021, 09h00

A fruta maná cubiu é uma planta frutífera de espécie nativa da região Amazônica, caracterizado como uma planta alimentícia não-convencional (PANC), uma terminologia atribuída para as plantas que possuem uma ou mais partes comestíveis, nativas ou cultivadas, mas que não estão incluídas na alimentação cotidiana. O maná cubiu possui propriedades nutricionais importantes, podendo promover ação hipoglicemiante e hipocolesterolêmica, e no maná-cubiu destacam-se o ferro (que ajuda na anemia), a niacina, carotenóides e as vitaminas A , B5, C, muita proteína e fibra, sendo assim considerada uma superfruta brasileira.

Ele é muito usada nas regiões Amazônicas para fins de cura ” Ao macerar suas folhas, produzimos um “suco” de cor verde que apresenta alta eficiência em queimaduras por água fervente, fogo ou produtos químicos, evitando a formação de bolhas e permitindo cicatrização dos ferimentos em curto prazo de tratamento”, conta a nutricionista Luna Azevedo

Já a polpa do cubiu em forma de suco ou encapsulada pode ser utilizada utilizada para controlar colesterol, já que é rica em vitamina B3, “o que está relacionada com a metabolização dos lipídios e a regulação dos níveis de colesterol no sangue, assim como no controle do excesso de ácido úrico e outras doenças causadas pelo mau funcionamento dos rins e do fígado, segundo o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia – INPA”, completa a profissional.

A fruta também ajuda a produção de seratonina, causando bem-estar e podendo ajudar em quadros depreciativos e enxaquecas. Além disso, pelo fato dele ser extremamente rico em vitamina C, o maná cubiu pode ser utilizado na pele. “Produtora de colágeno e elastina, ele pode também ser usado como hidratante, melhora a acne e a dermatite seborreica”, lista Fernanda Cortez, nutróloga. “Além disso, ele também ajuda na regulação de hormônio sexual como estrógeno e testosterona”, conta a profissional.

Suas formas de consumo variam entre a fruta, capsula e em pó, e segundo Fernanda é necessário consultar um médico para descobrir a melhor maneira e a frequência que se pode consumi-la dependendo da finalidade.

 

mana cubiu em cápsulas

Maná Cubiu em fibras

 Compre aqui

Continua após a publicidade
Publicidade