Continua após publicidade

Vegetais verdes: vitaminas, minerais e antioxidantes destes superalimentos

Nutrólogo aponta os benefícios que alimentos como espinafre, couve e escarola oferecem para a saúde. Confira bons motivos para consumir estes alimentos!

Por Ana Paula Ferreira
9 jul 2024, 10h00

Os vegetais verdes são peça chave na alimentação de quem busca ter mais saúde e qualidade de vida. O motivo? Considerados superalimentos, eles se destacam não só pelo seu valor nutricional, mas também pelos benefícios abrangentes que oferecem para o bom funcionamento do organismo.

De acordo com o nutrólogo Ronan Araujo, alimentos como espinafre e couve, por exemplo, são ricos em vitaminas, minerais e antioxidantes que os tornam altamente nutritivos. Por esse motivo, eles devem fazer parte da dieta diária de qualquer pessoa que busca uma saúde ideal.

Benefícios dos vegetais verdes

“Os vegetais verdes são ricos em vitaminas A, C e K, essenciais para a visão, sistema imunológico e coagulação sanguínea, respectivamente”, aponta o profissional. E completa: “Pesquisas publicadas pelo NIH destacam que esses nutrientes são vitais para várias funções corporais, incluindo a saúde ocular e imunológica”.

Segundo Araujo, esses alimentos também contêm minerais importantes como ferro e cálcio, sendo o ferro crucial para a formação de hemoglobina e transporte de oxigênio no sangue, e o cálcio fundamental para a saúde óssea.

Continua após a publicidade

“A deficiência de ferro pode levar a anemia e outras complicações e além disso, esses vegetais são fontes abundantes de fibras, que promovem a saúde digestiva e ajudam a manter um microbioma intestinal saudável”, ressalta Araujo.

Os benefícios dos vegetais verdes não param por aí. Isso porque os antioxidantes presentes neles protegem as células contra danos causados por radicais livres, contribuindo para a prevenção de doenças crônicas.

“Vegetais como espinafre e escarola são ricos em potássio e vitamina K, nutrientes essenciais para a gestão da pressão arterial e saúde dos ossos”, afirma o médico. “O espinafre, em particular, é destacado por suas propriedades antioxidantes e capacidade de ajudar no controle do diabetes tipo 2”, conclui.

Publicidade