A importância do lip care

A skincare dos lábios vai muito além do batom

Por Amanda Ventorin Atualizado em 3 dez 2021, 15h07 - Publicado em 6 dez 2021, 14h00

Muito se fala sobre a saúde da pele, das unhas e dos cabelos. Mas, quando se trata dos lábios, muitos podem pensar que “só passar um batonzinho” é a chave para todos os problemas. A verdade é que nossos lábios estão em contato constante com substâncias ácidas ou alcalinas por conta dos alimentos que ingerimos, higienizadores bucais (como pasta de dente ou enxaguante bucal) de outras substâncias potencialmente contaminantes. Por isso, cuidar dessa região é extremamente importante para evitar inflamações e infecções.

“A  maior  parte  da  população  desconhece  a  importância  do  cuidado  dos  lábios. Comumente,  nos  lembramos  disso  apenas  no  inverno,  quando  o  ressecamento, rachaduras  e  descamação  são  mais  frequentes.  Entretanto,  os  lábios  requerem cuidados  especiais  ao  longo  de  todo  o  ano. Assim, a busca por alternativas que visem a hidratação labial são essenciais”, conta Claudia Coral, farmacêutica especialista em ativos. 

Rotina de cuidados matutinos

Fernanda Chauvin, farmacêutica bioquímica especialista em dermatocosmética, recomenda o uso de:

  • hidratantes com ácido hialurônico e d-pantenol;
  • protetor solar.

O Ácido Hialurônico é uma substância produzida naturalmente pelo corpo humano, que está relacionada à sustentação, preenchimento e hidratação da pele. Com o passar do tempo, o corpo diminui a produção dessa substância, colaborando para o aparecimento de rugas e linhas de expressão, acompanhado do ressecamento cutâneo. Por isso, a partir dos 25 anos, quando inicia-se o declínio de sua produção natural, recomenda-se que ativos que apresentem ácido hialurônico em sua composição estejam cada vez mais presentes na rotina diária de cuidado com a pele e lábios. Já o d-pantenol, além de hidratar, faz a oclusão, mantendo a umidade dentro da pele.

Além disso, protetores solares também são indispensáveis para os lábios. Mas lembre-se que ele sozinho não basta. “O uso de protetores labiais específicos são de extrema importância. Estes podem conter Filtro Solar, mas não podem deixar de conter ativos regeneradores e hidratantes”, conta a profissional.

Rotina de cuidados noturnos

Na hora de dormir, a profissional recomenda o uso de:

  • esfoliantes labiais;
  • óleos e manteiga como a de Karité.

Segunda ela, a esfoliação labial pode ajudar em um dos desconfortos que mais se observam nos lábios – as famosas pelinhas. Ela pode ser feita uma vez na semana, de maneira suave. “Para isso, os esfoliantes comestíveis são a melhor opção, pois são formulados especificamente para esta região, na qual não se deve usar substâncias químicas que podem gerar danos à mucosa oral” compartilha Fernanda.

Já os óleos e a manteiga contém ação regeneradora, para que a pele se recupera dos danos que sofreu durante o dia enquanto você dorme.

Continua após a publicidade

Já ouviu falar de Lipowheat?

Claudia Coral completa que para uma hidratação mais intensa e diminuição de rugas, o Lipowheat tem sido visto como um ativo revolucionário.

Por ser um nutricosmético, ele proporciona hidratação de dentro para fora. É rico em fitoceramidas extraídas da parte lipídica do trigo, sendo, portanto, livre de glúten.

Se seu lábio tem uma desidratação muito intensa, que não é resolvida com produtos tópicos, converse com seu dermatologista sobre manipular o Lipowheat.

AJUDA EXTRA: Hidra Lips

Além de investir nos cuidados em casa, existe ainda tratamentos rápidos e não-invasivos que podem ser feitos no consultório para ajudar nos cuidados.

A esteticista Jaqueline Ray explica que o hidra lips é uma técnica de revitalização labial. “Para efetuar essa técnica, nós usamos uma caneta elétrica chamada dermapen que realiza microfurinhos na pele, estimulando o corpo a produzir o colágeno. Aproveitando esses ‘buraquinhos’, nós fazemos um drug delivery, ou seja uma entrega de ativos (como o ácido hialurônico) que vão penetrar mais profundamente e ajudar na hidratação labial. Também podem ser usados ativos que ajudam a recuperar o volume labial perdido com o decorrer dos anos”.

Praticamente indolor, a técnica pode ser feita em um intervalo mínimo de 21 dias entre uma sessão e outra, promete lábios mais hidratados, levemente volumosos e definidos, além de ser uma boa escolha para tratar as ruguinhas “código de barras” ao redor dos lábios, segundo a profissional.

 

Continua após a publicidade

Publicidade