BOA FORMA responde Das perguntas mais simples até as mais difíceis sobre como viver bem: pode mandar para a redação da BOA FORMA que vamos atrás dos melhores especialistas para responder

O que é o HPV?

Por Amanda Panteri Atualizado em 16 abr 2021, 12h20 - Publicado em 19 abr 2021, 14h00

Muita gente encara o papilomavírus humano (HPV) como um bicho de sete cabeças. Ou então trata como um tabu, e nem procura falar ou se informar sobre o assunto. Mas a questão é que a infecção sexualmente transmissível é mais comum do que parece. E muitas pessoas não desenvolvem sintomas aparentes — o que é um risco, pois elas podem infectar outros sem nem saber. 

Os sinais mais comuns nas mulheres incluem: verrugas visíveis na vagina, na vulva ou no colo de útero. Já nos homens, elas podem aparecer no pênis, testículos ou virilha. Algumas vezes, as lesões surgem também no ânus e até nas coxas. “Existem tratamentos preventivos como a vacina, que evita o surgimento das verrugas e do câncer do colo de útero”, diz o imunologista José Roberto Zimmernan. 

De acordo com ele, a combinação preservativos + vacina é o melhor e mais eficaz meio de prevenção. O imunizante é recomendado para meninas de 9 a 14 anos, meninos de 11 a 14 anos, pessoas com HIV positivo e transplantados entre 9 e 26 anos.

Se não tratado, o HPV pode evoluir para um câncer do colo de útero, o segundo mais frequente entre as mulheres. “Além do exame preventivo anual, hoje já é possível prevenir a infecção pelos principais tipos de HPV associados ao câncer por meio da vacina contra o HPV. Apesar de ser mais eficaz quando administrada em meninas antes do início da vida sexual, mulheres mais velhas também podem se beneficiar do uso da vacina. Além disso, mesmo as mulheres que foram vacinadas devem continuar realizando o exame preventivo quando atingirem a idade recomendada”, diz o médico.

Continua após a publicidade
Publicidade