Terapia e felicidade, com Priscila Conte Vieira A psicóloga Priscila Conte Vieira (CRP 08/30418), especialista em psicologia positiva, auxilia você a ter uma vida mais leve e mais feliz!

O que podemos aprender com as Olimpíadas?

Como ser mais motivado, ambicioso e determinado - sem esquecer da sua rede de apoio

Por Priscila Conte Vieira Atualizado em 30 jul 2021, 16h52 - Publicado em 31 jul 2021, 09h00

Acredito que a maioria das pessoas estejam acompanhando os Jogos Olímpicos ou buscando saber ao menos os placares. Porém, esse campeonato vai muito além de pontuação e de representação de cada país. Hoje, quero te convidar a pensar em alguns pontos importantes para nossa vida pessoal, que podemos aprender com os atletas olímpicos!

É fantástico ver o quanto eles são bons no que fazem e o quanto é lindo acompanhar a torcida das pessoas para que eles vençam. Mas veja bem, para qualquer pessoa alcançar um bom desempenho, seja no que for, é necessário muito comprometimento, dedicação, constância, responsabilidade, resiliência, autoconhecimento, apoio, foco, amor e também saber os próprios limites.

Simone Biles nos deu uma belíssima lição do quanto a sobrecarga mental é exaustiva e da importância de delimitar seus limites! Ser perseverante também é sobre saber até onde ir e quando devemos parar!! Afinal, a saúde deveria ser analisada como um combo entre corpo e mente e, se alguma ficar de lado, talvez seja preciso pedir para pausar também!

Aprendemos muito também com a nossa fadinha do Skate Rayssa Leal, sobre leveza, confiar nos nossos sonhos e curtir a jornada! Como é incrível poder ver a celebração de todas as pessoas com a conquista dela. Mas bem, no nosso dia a dia, nem sempre temos tantas pessoas torcendo por nós. Por isso mesmo, nós devemos ser os nossos apoiadores número 1 e devemos acreditar com unhas e dentes em nossos sonhos e nos dedicarmos para torná-los realidade!

Ser atleta olímpico é sinônimo de garra, ambições, muito treino e anos de esforço. E pense um pouquinho sobre como você enfrenta a sua vida!! Por acaso você quer os melhores resultados em um curto período de tempo? Você se esforça pouco e já dá vontade de desistir? Você não gosta de errar e quer ser o melhor mesmo sem ter tanta experiência? Os atletas caem, e se machucam muito, eles treinam por anos e anos com muito afinco, eles erram, aprendem e tentam novamente! Que possamos sempre nos abrir a novas experiências e também aprender com nossos erros!

Continua após a publicidade

Que vença o melhor, não é isso?! Gosto muito de ver os atletas se parabenizando, mesmo sendo concorrentes. Afinal, só eles sabem tudo o que viveram e sabem das responsabilidades de estar ali. E, dessa forma, não é preciso odiar o coleguinha concorrente, apenas dar o melhor de si e não torcer contra o outro, mas a seu favor!! E na nossa vida, não precisa ser diferente disso não, viu?! Que possamos crescer juntos e não apenas nos comparar e torcer para o insucesso do outro!

E por fim, a última reflexão que venho te trazer é da importância de pedir ajuda e contar com outras pessoas ao seu redor! Nenhum atleta olímpico chegou lá sozinho, mesmo aqueles que só competem individualmente. Eles possuem uma grande equipe multidisciplinar ao redor, na qual podem contar e se apoiar, além da família e amigos! Sabe, um ginasta não precisa ter o conhecimento de um treinador, mas pode contar com um para evoluir! Então, pare você também de querer tomar conta de tudo sozinho e crie a sua rede de apoio, crie a sua equipe multidisciplinar com os membros necessários para o seu sucesso e confie neles sempre que precisar!

Que tal passar a olhar para as olimpíadas com outros olhos e começar a ser a cada dia 1% mais atleta olímpico a partir de hoje?! Por aqui, eu escolho ser 1% mais dedicada! E você?

________________________________________________________________________

Oi, eu me chamo Priscila Conte Vieira, mas pode me chamar de Pri! Sou psicóloga, palestrante e mentora. Atuo na psicologia clínica, sou especialista em Psicologia Positiva, pós graduanda em Terapia Cognitivo Comportamental, master em autoconhecimento, coach de vida, practitioner em PNL e também criadora do Podcast Respira, não pira (que tal dar uma conferida lá no Spotify?!)

Estarei por aqui todas as semanas, abordando temas da Psicologia Positiva, felicidade, bem-estar e os auxiliando a serem as suas melhores versões, por meio do autoconhecimento e florescimento. Para saber mais sobre mim e me acompanhar no dia a dia, é só me seguir no Instagram! Estou por lá como @psi.priscilaconte Te vejo no próximo Sábado! Até mais <3 

Continua após a publicidade
Publicidade