#gratidão: uma grande aliada

Por Marcia Di Domenico (colaboradora) Atualizado em 22 out 2016, 14h19 - Publicado em 7 Maio 2015, 14h29

Nas redes sociais esse sentimento está bombando. É só ver pelas hashtags com o tema, que acompanham milhares de posts de todos os tipos: cenas de malhação, momentos com a família, pratos apetitosos, paisagens lindas no pôr-do-sol. Mas será que todo mundo sabe mesmo o que é gratidão e do que ela é capaz? Pesquisas em psicologia positiva, um ramo  a psicologia que estuda a felicidade, o bem-estar e a prosperidade, comprovam o efeito transformador de cultivá-la no dia a dia. “Quando você enxerga o que de fato possui (não  só as coisas materiais), consegue entender a dimensão maior da vida, vê que não está sozinha e que há muito que agradecer”, diz a psicóloga Angelita Corrêa Scardua, de Vitória. Confira como ser grata e o que você ganha com isso. 

  1. Em situações negativas – só e entediada no sábado à noite, por exemplo – transforme a reclamação em agradecimento e aproveite a ocasião para um fim positivo: ler aquele livro esquecido faz tempo, assistir a um filme, organizar o guarda-roupa bagunçado há meses. 
     
  2. No trabalho, foque no que você sai ganhando (pessoas que conhece e habilidades que desenvolve, além de dinheiro para realizar seus sonhos), em vez de se concentrar no que a rotina profissional tira de você (tempo com a família, energia para gastar no fim no dia). 
     
  3. Pratique o exercício de, no fim do dia, recordar pelo menos três coisas boas que aconteceram (por menores que sejam, como um café com uma amiga) e agradecer por elas. Você vai se surpreender.
Publicidade