Gratidão: 3 maneiras de cultivar esse sentimento e ser mais feliz

Cultivar o hábito pode mudar o rumo dos seus dias

Desde que essa hashtag viralizou nas redes sociais, ela só ganha força. É usada em posts de pôr do sol, happy hour com as amigas, pratos saudáveis e até treinos na academia. A explicação da ciência: enxergar e agradecer as coisas boas da vida traz felicidade. “O sentimento de gratidão ativa o sistema de recompensa do nosso cérebro, o que faz com que ele libere neurotransmissores responsáveis pela sensação de bem-estar”, afirma a psicóloga Julia Bittencourt, do Rio de Janeiro. Cultive o hábito de agradecer também no mundo real. É muito simples!

1. Liste as atitudes postivas
Em um bloquinho, anote pelo menos três coisas boas que aconteceram no seu dia. Pode ser algo singelo, como a iniciativa de um vizinho de segurar a porta do elevador para você entrar ou aquele bom-dia do caixa do supermercado acompanhado de um sorriso. À noite, antes de dormir, releia a lista e agradeça. Um estudo da Universidade da Califórnia revelou que quem faz esse exercício diário é mais otimista.

2. Reconheça as gentilezas
Expresse verbalmente sua gratidão! É uma atitude que vale muitos pontos no seu networking e que pode até render amizades duradouras. Foi o que mostrou um estudo publicado na revista Emotion, da Associação Americana de Psicologia. Jovens que auxiliaram seus colegas mais novos em um trabalho escolar se tornaram amigos daqueles que, no fim do projeto, enviaram cartas de agradecimento.

3. Agradeça mais, peça menos
Reconheça as oportunidades oferecidas pela vida. A ideia de que você precisa mais do que já possui tende a diminuir, segundo um experimento publicado na revista americana Ciência Psicológica. Os voluntários que demonstraram a sensação de plenitude após se lembrar de um episódio do qual eram gratos foram menos gananciosos na escolha de um prêmio final.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s