Como foi aprender hip hop com os bailarinos de Justin Bieber

Nossa reportagem entrevistou e aprendeu alguns movimentos com os dançarinos do Purpose World Tour

Na última semana, só se falou em Justin Bieber! Em meio ao clima de ansiedade para os shows da turnê Purpouse World Tour, que aconteceram São Paulo e no Rio de Janeiro, recebemos um convite para uma aula especial de hip hop com um dos dançarinos do astro pop, Jordan Alex Ward.

Por sua confiança e talento na dança, quase não dá para acreditar que Jordan tem apenas 22 anos. O americano começou a dançar aos 9, em sua cidade natal St. Louis, no estado do Missouri. Com 14 anos, decidiu seguir carreira como dançarino, e aos 15, já dava aulas. Hoje, ele faz parte do grupo de profissionais que dá vida aos palcos de Justin com seus movimentos superanimados.

A dança, para Jordan, é uma maneira de expressão – “A melhor delas para manifestar a experiência humana”. Segundo ele, suas habilidades artísticas foram herdadas de sua mãe. “As mulheres têm habilidades artísticas naturais, acredito que pela sua capacidade de sentir. Por isso conseguem se dar tão bem na dança, inclusive no hip hop, por sua expressão ser muito forte.”

Veja também: Conheça a Hiplet, aula que mistura hip-hop com balé. Veja vídeo!

A aula com o dançarino na academia Bodytech foi dividida em três partes – e não teve moleza! Na primeira, os alunos soltavam o corpo imitando o professor em alguns movimentos descontraídos. Depois, Jordan guiou a galera para um alongamento ativo, e por fim, aprendemos passos para uma coreografia “básica” (que foi bem difícil para os iniciantes devido à velocidade dos passos).

Benefícios do hip hop para as mulheres

Além de colocarmos sentimento na dança, Jordan também acha que as mulheres podem melhorar a autoconfiança pela atitude exigida na modalidade. “Gosto de pensar em hip hop pela definição da palavra, movimento inteligente, que não segue regras nem deve ser restringido pela sociedade – o que pode ser usado pelas mulheres como instrumento de expressão e empoderamento.”

Para a dançarina Delaney Glazer, também parte do corpo de bailarinos da Purpose World Tour, o Hip Hop pode sim ser perfeito para as mulheres. “Podemos ser femininas, mas também mostrar um lado tão forte quanto o dos meninos.” Ela também listou alguns motivos pelos quais a modalidade pode ser um treino completo. “O hip hop ensina como movimentar seu corpo todo. Você provavelmente vai suar muito e gastar muitas calorias.”

E mais: Essas muçulmanas estão dançando hip-hop para mostrar sua força

Para o primeiro tour, que aconteceu nos Estados Unidos, Delaney contou que os bailarinos ensaiaram dois meses, das 11 da manhã às 8 da noite, com 1h30 de descanso para o almoço. E, sim, Justin Bieber fazia participações periódicas!

Experiência com o hip hop

“Na minha primeira aula, aprendi que a modalidade vai muito além da sequência de movimentos que me fazem querer bater palmas mesmo antes de acabar. Também tem a ver com atitude, um ótimo exercício para a mente e para ganhar autoconfiança, e uma boa opção para queimar calorias de um jeito divertido”, Giulia Granchi, estagiária.

 

 

 

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s