16 benefícios do Kombucha (e como fazer em casa)

Listamos os beneficios do chá de kombucha para quem quer apostar em um estilo de vida mais saudável (e gostoso)

Por Amanda Ventorin Atualizado em 9 abr 2021, 17h40 - Publicado em 12 abr 2021, 09h00

O kombucha é um chá fermentado que se enquadra como uma bebida ancestral gostosa, saborosa, refrescante e diferente. Um produto natural que ressurgiu, com a busca social por uma alimentação mais saudável, uma bebida milenar, que promete vários benefícios à saúde, mas ainda é pouco conhecida. Para conhecer melhor o chá de kombucha separamos 16 benefícios da bebida e a maneira certa de fazê-lo!

O que é Kombucha e para que serve?

Chá de kombucha é feito a partir da fermentação do chá-da-indía (Camellia sinensis) com uma placa gelatinosa, chamada Scoby. Ela é uma simbiose de leveduras e bactérias benéficas à saúde e que transformam o líquido em uma bebida refrescante, levemente gasificada, com um aroma frugal e que fornece diversos ácidos e nutrientes ao organismo. A “colônia de kombucha” é consistida principalmente de culturas de bactérias xylinum e de leveduras.

Acredita-se que o kombucha tenha se originado no nordeste da China (Manchúria) durante a Dinastia Tsin (Ling Chi) em cerca de 220 AC e ficou popular por suas propriedades desintoxicantes e energizantes. “A bebida chegou ao Japão durante 414 dC quando o médico Kombu usou a bebida para curar a doenças do Imperador Inkyo. Acredita-se que o nome Kombuchá originou-se do nome do médico. Kombuchá é um termo japonês para chá ligeiramente fermentado”, explica a nutricionista Giovanna Oliveira.

Mas, apesar dos relatos do seus benefícios e sua história, cientificamente, nada é comprovado. “Não há nenhum estudo conclusivo na literatura que fale dos benefícios para seres humanos do kombucha. No entanto, estudos feitos em ratos e outros animais como cachorros, patos, coelhos e galinhas relatam uma série de propriedades anti-inflamatórias e antimicrobiana, melhorando as funções gastrointestinais. Como esses estudos começaram em animais, não tem nada conclusivo para seres humanos especificamente do chá de kombucha, mas quando a gente vê todas essas funções acontecendo em animais, é muito provável que isso se repita para seres humanos”, explica Lícia D’ Ávila, nutricionista. 

Como fazer kombucha em casa

E como fazer o Kombucha? A nutri Giovanna Oliveira dá a receita:

Ingredientes:

  • 300g de folhas de chá verde ou preto
  • 400ml de água
  • 5 colheres de sopa de açúcar mascavo
  • 1 unidade de Scoby
  • 300ml de kombucha
  • 1 xicara de jabuticaba
  • 200ml de água
  • 4 colheres de sopa de açúcar mascavo

Modo de Preparo:

Para preparar o chá: Ferva os 400ml de água, desligue o fogo,  adicione as folhas de chá, tampe e deixe descansar de 10 a 15 minutos. Coe, adicione o açúcar, 600ml de água, o Scoby e 300ml de seu soro. Despeje a mistura em um pote ou garrafa de vidro, cubra com um papel toalha ou paninho de voil, prenda a boca do pote com um elástico e deixe descansar por 1 semana para seu Scoby se multiplicar. Após 1 semana, guarde cada um dos filhotes, com 200ml da própria água e distribua para seus amigos.

Para saborizar sua bebida: Ferva a jabuticaba com 200ml água e 4 col de sopa de açúcar durante 20 minutos. Passe por uma peneira e deixe amornar. Misture 300ml do soro do kombucha fermentado a 100ml de suco de jabuticaba e tampe. Deixe descansar por 3 dias em local fresco e longe do sol para fermentar, abrindo uma vez ao dia para não estourar.

Há também o kombucha em pó que pode ser facilmente comprado. “O Kombuchá tem a versão em pó e promove os mesmos benefícios e deve ser usado conforme a orientação do rótulo”, diz a nutricionista Barbara Lazzarini

Onde Comprar Kombucha?

Kombuchá Hibiscus, Cranberry e Amora, Supra Ervas

KIT KOMBUCHA DIY, Vih!

Cha Kombucha Mate Com Limão e Gengibre, Supernova

Kombucha – Benefícios

“Ele é um produto natural, fornecendo diversos ácidos e nutrientes ao organismo, que ressurgiu com a busca social por uma alimentação mais saudável. É uma bebida milenar que promete vários benefícios à saúde, mas ainda é pouco conhecida”, comenta Bárbara. Conheça agora um pouco mais sobre os benefícios do chá de kombucha.

Continua após a publicidade

1- Contribui no emagrecimento

“Pode auxiliar no emagrecimento porque uma vez que você repopula a microflora intestinal, você equilibra os filos de bacteroidetes e firmicutes, bactérias conhecidas por causar obesidade”, explica Lícia. 

2- Combate a gastrite

Como o chá de kombucha possui o PH reduzido (mais ácido), ele tem facilita a liberação das enzimas digestivas. Então, pode ajudar a pessoa que tem gastrite por falta de enzimas digestivas.

3- Ajuda o PH gástrico 

Muitos acreditam que o Kombucha equilibra o PH do sangue, mas segundo os especialistas, isso não é verdade. “Com relação a reduzir PH sanguíneo, não isso não existe. A gente tem uma um sistema “tampão” no organismo que é capaz de equilibrar o PH”, conta Lícia. Mas o PH gastríco, segundo a profissional, é algo que a bebida pode ajudar na hora da digestão, melhorando a digestibilidade dos alimentos.

4- Melhora o funcionamento do intestino

“O cha de kombucha ajuda a equilibrar a microbiota intestinal”, diz Giovanna. Com essa cultura mais equilibrada, consequentemente, a evacuação saudável é facilitada.

5- Previne infecções intestinais

Os probióticos têm uma série de efeitos benéficos para a saúde, incluindo a melhoria de situações de obstipação, diarreia, melhoria dos sintomas de inflamação intestinal (como Doença de Crohn, colite ulcerosa, síndrome do cólon irritável, entre outros)” conta Barbara.

6-  Fortalece o sistema imunológico

Segundo Guiovanna, o nosso intestino é o principal órgão do sistema imunológico. Ou seja,  todo alimento ou nutriente que visa a saúde do intestino e da microbiota intestinal, vai colaborar para que esse intestino produza efeito no sistema imunológico.

7- Pode previnir doenças como diabetes

A nutricionista Bárbara relata que estudos feito em animais tiveram sucesso quanto ajuda e prevenção em doenças como diabetes. Mas vale lembrar que em humanos, não há pesquisas conclusivas.

8- Reduz o estresse e auxilia a insônia

“O segredo do Kombuchá está totalmente ligado ao intestino. O intestino é responsável pela produção de serotonina. O indivíduo com intestino saudável se estressa menos e dorme melhor”, conta Bárbara

9-  Pode normalizar a pressão arterial

Não há comprovação científica sobre esse benefício mas diversos usuários relatam ter notado esse efeito.

10- Reduz a enxaqueca

A bebida conta com propriedades calmantes, que podem também vir a ajudar nas dores de cabeça e até mesmo enxaqueca.

11- Pode atuar como desintoxicante

Por todos seus benefícios, a desintoxicação do organismo é uma das mais importantes.

12- Previne infecções urinárias

Pode ajudar a reduzir essa competição que é criada entre bactérias boas e bactérias ruins, diminuindo a desbiose intestinal e a bactéria Escherichia coli, que é uma das grandes causadores de infecção urinária” explica Lícia.

13- É antioxidante

Por sua base de chá verde e preto, a Kombucha carrega consigo vários antioxidantes que vêm nessas bebidas e que ajudam a combater os radicais livres no nosso corpo. 

14- Possui efeitos anticancerígenos

Exatamente pela sua função antioxidante, o chá de kombucha se torna uma ótima fonte para efeitos anticancerígenos.

15- Possui propriedades anti-inflamatórias

A bebida ajuda muito a controlar inflamações, de uma maneira geral. “Não há nenhum estudo que revele se ele é favorável á alguma artrite reumatoide um outro tipo de inflamação. Mas por ter propriedades antioxidantes, é um anti-inflamatório potente”, continua Lícia.

16- Melhora a digestão

Já que o teor de seu PH é mais baixo, isso melhora a digestibilidade dos alimentos, fazendo um papel similar a um do ácido clorídrico na digestão quando tomado antes das refeições.

Quando tomar?

O melhor horário para tomar o kombucha, segundo Lícia, é antes de uma refeição

.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade