Plastic Free July: dicas para consumir menos plástico na rotina de beleza

Preferir embalagens sustentáveis, checar a composição dos produtos e abolir o uso de itens plásticos tornam seu consumo mais consciente e amigo da natureza

Por Marcela Rodrigues (colaboradora) - Atualizado em 2 jul 2018, 14h52 - Publicado em 28 jun 2018, 17h04

Quando falo sobre beleza natural, não me refiro somente a fórmulas com ativos naturais e orgânicos. Mas também sobre como nossas ações em nome da vaidade e do cuidado com nosso corpo impactam no meio ambiente – como os resíduos que geramos ao descartar embalagens.

Nesta semana, entramos no mês em que o #plasticfreejuly, movimento global que incentiva a redução de plástico no dia a dia, ganha mais evidencia.

Geramos plástico o tempo todo – e nossa rotina de beleza é um dos grandes canais responsáveis por esse resíduo tóxico. Você costuma exfoliar seu corpo? Dependendo do item escolhido, você pode estar deixando sair pelo ralo um monte de microplástico, sabia? E quantas embalagens não descartamos todos os dias? De maquiagem, algodão, hidratante…

Como diminuir o consumo de plástico nos produtos de beleza

Nos últimos anos em que tenho pesquisado e praticado o slow beauty, também venho mudando meu olhar para o pós-consumo na beleza. Sempre me pergunto: “O que eu gero com a minha vaidade?”. Listo abaixo algumas pequenas ações na minha rotina que impactam positivamente nessa jornada de redução de plástico:

1. Priorize comprar de marcas que oferecem embalagens ecológicas. Como papel, bambu…Se for de vidro, melhor ainda. Guardo meu desodorante caseiro dentro de potinhos de argila. E os vidros de óleos corporal ficam lindos como vasos de raminhos de flores.

2. E que tal usar discos de crochê, os eco pads, para limpar a pele como alternativa ao algodão? Com certeza você conhece alguém que saiba crochetar!

Continua após a publicidade
Discos de crochê feitos à mão
Discos de crochê feitos à mão A Naturalíssima/Reprodução

3. Use buchas vegetais (são baratas e biodegradáveis) no lugar daquelas sintéticas e coloridas – tanto no banho e como para ser usada em um dos meus rituais favoritos de cuidado com a pele do corpo: a escovação a seco!

4. Se você ainda usa exfoliantes convencionais, hora de rever o hábito! O problema? Eles contêm minúsculas partículas de microplásticos – sobretudo polietileno, polipropileno, polietileno tereflalato, polimetilmetacrilato e até náilon. As “bolinhas” saem pelo ralo do banheiro direto para o sistema de esgoto. Como as águas residuais não conseguem filtrá-las, elas vão parar no oceano e, por não serem biodegradáveis, desequilibram o ecossistema. Formas naturais de deixar a pele lisinha: fubá + mel, aveia + água, borra de café + açúcar. Receitas não faltam!

Como fazer esfoliante de café com açúcar
Mistura de café com açúcar para exfoliar a pele Anaturalíssima/Reprodução

5. Aliás, fazer os próprios cosméticos é uma das minhas formas de ativismo. Confira algumas receitas que já publiquei aqui na coluna Beleza Consciente, como a do desodorante e a do óleo de massagem!

6. Falando em higiene bucal, troque sua escova de dentes convencional pela que tem cabo de bambu e cerdas de carvão.

Escova de dente de bambu, Boni Natural
Escova de Dentes de Bambu, Boni Natural, R$ 16 Naturalíssima/Reprodução

7. Use seus produtos até a última gota. Quando minha pasta de dentes está no fim, por exemplo, corto o tubo no meio, com uma tesoura, e tiro o restante totalmente. Não desperdiço nada! Afinal, até as fórmulas mais ecológicas ainda vêm em embalagens com plástico.

8. Prefira comprar em lojas físicas, já que os produtos online costumam vir embalados em plástico (sim, até mesmo algumas marcas naturais enviam produtos embrulhados em plástico bolha. Vai entender…).

Marcela Rodrigues, da coluna Beleza Consciente
@anaturalissima/Reprodução Instagram

Marcela Rodrigues é jornalista, consultora em beleza natural, instrutora de ioga, aprendiz de curandeira e entusiasta de uma vida holística e slow – mesmo morando na capital paulista! É autora do portal a Naturalíssima, sobre autocuidado e estilo de vida consciente | @anaturalissima

Continua após a publicidade
Publicidade