Acesso a calorias do fast-food reduz o tamanho do seu pedido

Saber o total calórico do prato que você está escolhendo aumenta suas chances de comer de forma mais saudável

Por Manuela Biz e Eliane Contreras - Atualizado em 9 jan 2018, 18h11 - Publicado em 26 dez 2017, 09h15

O que os olhos não veem a balança sente! A maioria das pessoas não tem a real noção de quantas calorias cabem na bandeja da praça de alimentação. Mas as tabelas com valores nutricionais dão uma força nessa hora: um estudo feito em redes de fast-food e publicado no Journal of Retailing (EUA) mostrou que o acesso a esses números nos restaurantes reduz até 83 calorias por pedido. Faça essa consulta quando quiser abrir uma exceção na dieta, mas sem exagerar.

Leia mais: Projeto prevê que restaurantes de SP revelem calorias de pratos

“O total calórico orienta uma escolha mais consciente. Você percebe, por exemplo, que as fritas ou um milk-shake pequenos são suficientes para matar a vontade”, diz a nutricionista Danielle Barioni, de Londrina (PR). Só evite selecionar todas as refeições pelo valor energético. Ou você vai começar a trocar sucos naturais por refrigerante zero. Mesmo para quem precisa perder peso, a dose de fibras, vitaminas e minerais importa tanto quanto a de calorias.

Publicidade