Mitos sobre alimentos para imunidade e receitas de shots para imunidade

Especialistas explicam a importância de manter o sistema imunológico protegido e compartilham receitas de shots matinais para incluir na rotina

Por Victoria Theonila Atualizado em 23 jul 2021, 15h38 - Publicado em 29 jul 2021, 09h00

Os dias frios chegaram e com eles vêm algumas infecções virais, como a gripe e o resfriado. Além disso, temos mais uma preocupação nesse momento: as infecções respiratórias causadas pelo COVID-19.

Para evitar essas possíveis doenças, é essencial higienizar as mãos constantemente com água e sabão, principalmente ao sair ou chegar da rua, além de evitar lugares cheios e mantendo sempre uma distância segura de pessoas que estiverem tossindo ou espirrando.

Outro hábito importante, é procurar proteger o sistema imunológico – o sistema de vigilância do corpo que identifica e elimina os vírus e bactérias que podem nos deixar doente. Complexo, esse sistema é composto de vários órgãos, células e proteínas; incluindo a pele, córneas, mucosa, trato gastrointestinal e o sistema linfático. “Desenvolver um sistema imunológico forte enquanto você está saudável pode sustentar seu corpo enquanto ele se familiariza com o novo vírus no caso de você ficar doente”, ressalta o endocrinologista e nutrólogo Dr. Guilherme Renke.

Os trabalhos do sistema imunológico se intensificam quando o corpo é infectado. Logo, a função do sistema é elevada e sofre um aumento da taxa de metabolismo, exigindo fontes de energia e substratos para a formação de novas moléculas. Essas fontes são compostas pelos derivados da dieta, então se o corpo contém a quantidade ideal de nutrientes indicados, o sistema imunológico irá funcionar de maneira ideal para combater a infecção.

Alguns suplementos indicados por profissionais da saúde, podem auxiliar a saúde imunológica, mas não substituem uma alimentação equilibrada, composta por nutrientes, vitaminas e minerais nas proporções adequadas. Alimentos ultra processados e cheios de açúcar devem ser evitados. ”Manter uma dieta balanceada, dormir o suficiente, praticar atividades físicas regulares e não fumarsão algumas das maneiras mais importantes de ajudar a manter o sistema imunológico saudável e reduzir as chances de infecção e doença”, completa o nutrólogo.

ALIMENTOS QUE AGEM DIRETAMENTE NO SISTEMA IMUNOLÓGICO

  1. Frutas cítricas: As frutas cítricas são repletas de vitamina C e são grandes aliadas do sistema imune. Embora os cientistas ainda não tenham certeza de como isso ajuda, a vitamina C pode reduzir a duração dos sintomas do resfriado comum e melhorar a função do sistema imunológico humano. Laranja, limão e tangerina são exemplos de frutas ricas em vitamina C.
  2. Alho: As propriedades de reforço imunológico do alho parecem vir de uma grande concentração de compostos contendo enxofre, como a alicina.
  3. Brócolis: Esse vegetal é sobrecarregado com vitaminas e minerais. Repleto de vitaminas A, C e E, além de fibras e muitos outros antioxidantes, o brócolis é um dos vegetais mais saudáveis que você pode colocar no prato. A chave para manter seu poder intacto é cozinhá-lo o menos possível ou no vapor, sendo a melhor maneira de manter mais nutrientes.
  4. Frutas vermelhas: morangos, mirtilos e blueberries são exemplos de frutas vermelhas que carregam altas concentrações de antocianina, um tipo de flavonoideque possui propriedades antioxidantes, as quais podem ajudar a estimular o sistema imunológico de uma pessoa.
  5. Espinafre: pode estimular o sistema imunológico, pois contém muitos nutrientes e antioxidantes essenciais, incluindo: flavonóides, carotenóides, vitamina C e vitamina E.

TEMPEROS QUE AGEM NO SISTEMA IMUNOLÓGICO

Os temperos atuam como estratégias dietéticas para dar um melhor suporte ao sistema imunológico. “Especiarias e ervas foram e são amplamente estudadas globalmente devido à sua alta atividade antioxidante e antimicrobiana em humanos, pois elas contêm muitos compostos bioativos. Especiarias como cravo, canela, gengibre, pimenta preta e cúrcuma são conhecidas como estimuladores da imunidade, juntamente com sua propriedade antiviral”, ressalta o Dr. Guilherme Renke.

A cúrcuma é mais conhecida por seu uso em pratos de curry indiano e se tornou um superalimento por sua capacidade de reduzir a inflamação. Um dos componentes do açafrão é uma substância chamada curcumina. Estudos vêm mostrando algum potencial da curcumina como antiviral, pois ela pode se direcionar através de várias vias celulares que podem inibir o crescimento e a replicação de vírus.

O gengibre também é uma fonte rica em compostos bioativos que têm efeito medicinal, como atividade antiviral.

A pimenta preta proporciona melhora dos sintomas da sinusite e congestão nasal, que são os sintomas mais comuns da COVID ‐ 19. A quercetina, um flavonóide presente na pimenta-do-reino, melhora a imunidade do organismo constantemente devido às suas propriedades antivirais.

Para adicionar esse temperos na alimentação, o nutrólogo recomenda esfregá-los em vegetais e carnes assadas ou polvilhar o alimento pronto. Também é possível adicioná-los em shots, com limão e própolis, ou ainda na forma de suplementos. “Vale lembrar que devemos nos atentar ao fato de que o uso excessivo de especiarias e ervas pode causar efeitos colaterais, como acidez no estômago, azia, prisão de ventre, diarreia, úlceras na boca, hipertensão e outros. Por isso é sempre uma boa ideia a orientação de profissionais da saúde, principalmente nutricionistas, para que a adição desses temperos seja feito da maneira adequada”, completa o médico.

SHOTS MATINAIS DE IMUNIDADE PARA VOCÊ ADICIONAR NA ROTINA

A nutricionista ortomolecular e funcional, Dra. Luciana Harfenist (@lucianaharfenist), compartilhou opções de shots de imunidade para acrescentar na rotina, pela manhã em jejum e para fortalecer ainda mais o sistema imunológico. “Para que não haja interferência de outros alimentos que podem interferir na absorção dos micronutrientes e substâncias bioativas presentes nos ingredientes das receitas, o ideal é tomar em jejum ou 30 minutos a 1 hora após o almoço”, ressalta a nutricionista.

Shot carvão ativado

1 limão espremido

1/2 colher de café com carvão vegetal ativado (encontrado em lojas a granel, farmácias ou farmácias de manipulação)

Misture os ingredientes.

 Shot de limão com chá de vinagre

1 Limão espremido

1 colher de chá de vinagre de maçã

Continua após a publicidade

1 colher de café (pitada) de gengibre ralado

1/2 colher de café de açafrão-da-terra (ou cúrcuma)

1 pitada de pimenta caiena

50 ml de água

Misture os ingredientes.

Shot de cúrcuma

1/2 colher de café de açafrão-da-terra (ou cúrcuma)

1/2 unidade de cenoura ralada

1 unidade de laranja pera espremida

1 pitada de pimenta caiena

50 ml de água

Modo de preparo: No mixer, bata todos os ingredientes até obter um suco grosso. Coe em uma peneira fina. Se necessário adicione mais água.

Benefícios dos ingredientes utilizados nos shots:

Vinagre de maçã: rico em polifenóis, que são poderosos antioxidantes que protegem as células contra alterações que desencadeiam doenças e também ajudam a reduzir a inflamação.

Pimenta caiena (Capsicumannuum) estimula a digestão, auxilia no tratamento de má circulação sanguínea, é rica em vitaminas A e C. Além de ser um forte estimulante do metabolismo, ajuda no processo de purificação e eliminação de toxinas do organismo.

Carvão ativado, ou carvão vegetal ativado é uma forma de carbono puro muito utilizado por sua propriedade de remover, de forma seletiva, diversos tipos de gases, líquidos e impurezas, causadoras de alergias e problemas imunológicos.

Tintura de Equinácea é uma erva nativa da América do Norte e tem sido utilizada há centenas de anos pelos índios e povos tradicionais norte-americanos como um imune estimulante e cuidados das vias respiratórias e resfriados.

Confira outros hábitos de estilo de vida fundamentais para uma imunidade saudável e duradoura: 

  • Fazer exercícios regularmente pode ajudá-lo a se manter saudável, melhorar seu humor e manter o sistema imunológico forte.
  • Mantenha um peso moderado. A obesidade está associada ao aumento da inflamação no corpo, sendo um fator de risco para quadros graves da infecção pelo covid-19.
  • Durma adequadamente! O sono insatisfatório não apenas diminui seus níveis de energia, mas também pode enfraquecer o sistema imunológico.
  • Evite o estresse. Essa reação pode ter um efeito negativo no sistema imunológico. Busque hobbies saudáveis para lidar com o estresse.
  • Pare de fumar. Fumar tem muitos efeitos nocivos à saúde, um dos quais pode enfraquecer o sistema imunológico.
  • Consuma álcool com moderação. Beber exageradamente pode diminuir sua imunidade!

Prefira cozinhar no vapor ou assar, ao invés de cozinhar. Algumas vitaminas e nutrientes são perdidos quando o alimento é cozido e de acordo com o médico do esporte, ao cozinhar o alimento no vapor ou assar, perdem-se menor quantidade de nutrientes.

Continua após a publicidade
Publicidade