9 maneiras comprovadas de conseguir o que você quer

Pesquisadores descobriram nove maneiras de manter acesa a motivação capaz de operar mudanças na sua vida

Sabe aqueles planos de ano novo que nunca se realizam? A partir deste mês (e de uma vez por todas) você vai, sim, realizar todos os seus projetos. Pesquisadores descobriram (e nós revelamos!) formas infalíveis de manter acesa a motivação capaz de operar mudanças incríveis na sua vida

1. Trace uma meta por vez

Essa história de dizer que vai pegar firme no curso de inglês, fazer um trabalho voluntário, aprender dança do ventre, tudo ao mesmo tempo e para ontem, a gente sabe como acaba. Você pode até começar, mas dificilmente conclui todos os planos. Isso quando não desiste de vez. Diante de pressões em excesso, o desejo vai perdendo a força até se esgotar. “A mente humana tem uma capacidade limitada de autocontrole, por isso não devemos nem tentar fazer muitas coisas de uma só vez”, explica Roy Baumeister, psicólogo da Universidade Case Western Reserve, em Cleveland (EUA). Uma experiência ilustra bem o quanto focar mais de um objetivo pode ser um fator de desconcentração: a dois grupos de pessoas apresentou-se o desafio de resolver um quebra-cabeça complicado. Antes da prova, porém, diante de apenas um deles foi colocado um prato de biscoitos de chocolate, que ninguém podia comer. Esse grupo teve menos força mental para realizar a tarefa do que o outro que nem sequer viu a guloseima.

Como chegar lá: faça um cronograma para atingir cada objetivo. Adote um novo hábito por dia — caminhar todas as manhãs, por exemplo — e concentre-se naquilo que você quer. Após algumas semanas, seu comportamento vai se modificar naturalmente e aí, sim, você poderá pensar nas próximas metas, uma de cada vez.


2. Estabeleça objetivos viáveis

Nada é mais desestimulante do que impor-se prazos irreais, seja para concluir uma tarefa, seja para perder peso. Digamos que você resolva emagrecer 5 quilos em uma semana. Além de ser uma meta muito difícil de ser atingida, sua saúde certamente ficaria abalada. “O melhor é esticar esse prazo e comemorar, por exemplo, uma perda entre 600 e 800 gramas por semana”, aconselha Vanderli Marchiori, diretora da Associação Paulista de Nutrição, em São Paulo (SP). “Além de estar dentro do recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), esse resultado é perfeitamente possível.”

Como chegar lá: comemore cada vitória, mesmo que pequena. Os psicólogos garantem que isso é o melhor alimento para a sua autoconfiança, responsável por você levar seus projetos, como a dieta e os exercícios, adiante. Tenha em mente, também, que os resultados variam de acordo com diferenças individuais, ou seja, você dificilmente conseguirá perder peso em tempo recorde, como sua amiga.


3. Foque o presente

Saber que algo vai beneficiá-la no futuro nem sempre é suficientemente encorajador. Especialistas em psicologia do exercício garantem: pessoas bem-sucedidas aprenderam a deslocar seu foco do futuro para o presente. Em vez de pensar “em fevereiro, meu corpo estará lindo para desfilar de biquíni”, procure ser mais imediatista e imaginar que “esta tarde, estarei bem-disposta porque caminhei pela manhã”. Leonard Verea, psiquiatra especializado em medicina psicossomática e hipnose clínica em São Paulo (SP), assina embaixo: “Pensar sempre no aqui e no agora pode ajudar a realizar sonhos mais depressa.”

Como chegar lá: imagine uma recompensa para hoje. Perceber que você se sente melhor toda vez que faz aquilo que planejou vai deixá-la com vontade de repetir o sucesso. Poucas coisas são mais encorajadoras.


4. Imagine os resultados

Sonhar (acordada) é tudo, de verdade. Visualize-se dentro de um vestido justo, bem sexy. Um especialista norte-americano em treino mental defende que a dificuldade que às vezes temos de atingir nossos objetivos vem das imagens de fracasso que povoam nossa mente. Ou seja, nada é mais contraproducente do que os pensamentos negativos.

Como chegar lá: fantasie à vontade, porque você é a diretora do seu filme mental. Mas, atenção: nessa produção, só cabem imagens felizes. Quanto mais detalhado o “roteiro”, maiores as chances de que seus projetos se tornem mesmo realidade.


5. Pare de se comparar com os outros

Os sucessos, em geral, resultam de um aprimoramento pessoal, dizem consultores de psicologia do esporte. Planejar a leitura de um livro por mês, por exemplo, além de ser uma meta realista, só vai contribuir para seu enriquecimento pessoal e profissional. Já desejar ter o corpaço da professora de step na certa vai trazer frustração. Isso porque você talvez não tenha a mesma constituição física nem se exercita três horas por dia como ela. Quer dizer, ficar se comparando aos outros é improdutivo, não vai melhorar em nada a sua vida.

Como chegar lá: pergunte a si mesma por que você deseja alcançar certo objetivo e certifique-se de que não se trata de simples fantasia, mas sim de um firme propósito para ter mais saúde e viver mais feliz.


6. Acredite no sucesso e ele virá

A melhor forma de detonar uma motivação é se convencer de que seus esforços foram em vão. Uma experiência feita na Universidade de Illinois (EUA) comprova isso: a um grupo de estudantes sedentários foi proposto um exercício de oito minutos em bicicleta ergométrica. Embora todos tivessem tido o mesmo desempenho, para metade deles o professor disse que estavam em péssima forma, enquanto ao restante afirmou exatamente o contrário. Resultado: no exercício seguinte, os que supostamente apresentaram melhor condição física contaram que se sentiram menos cansados e com maior controle sobre seus corpos.

Como chegar lá: procure evidências do seu progresso, ainda que pequenas. Se os músculos do tríceps ainda não estiverem muito definidos, como você pretendia, considere que os resultados na verdade não refletiram (ainda!) os seus esforços, mas que logo eles ficarão evidentes. Lembre-se de todos os sucessos e não deixe de elogiar os progressos que resultaram do seu esforço. O segredo não está apenas em acreditar que você pode ser bem-sucedida, mas sim em que você já está tendo êxito. Desanimar, jamais.


7. Facilite a sua vida

Eliminar os obstáculos que dificultam a realização de suas metas é a melhor coisa que você pode fazer a seu favor. Digamos que você queira muito malhar, mas acaba desistindo só de pensar em encontrar uma academia que não fique lotada no horário que mais lhe convém ou que terá de freqüentá-la bem cedinho e, por isso, será necessário levar uma mochila com roupa e maquiagem para ir direto para o trabalho. Em vez de simplesmente adiar seus planos, malhe em casa mesmo. Um estudo recente realizado durante 15 meses mostrou que pessoas que fizeram exercícios em casa mantiveram uma média de perda de peso de mais de 12 quilos, enquanto aqueles que malharam em grupo eliminaram cerca de 8 quilos. Só não vale desanimar.

Como chegar lá: não há nada errado em pegar atalhos, desde que você não se desvie da trilha principal a ponto de se perder. Se sua intenção é comer melhor, abasteça sua despensa com alimentos saudáveis em vez de forçar-se a ir ao supermercado após chegar do trabalho morta de fome e constatar que não há nada de bom para comer. “O risco de você pedir uma pizza ou comer coisas pouco saudáveis são enormes”, garante a nutricionista Vanderli Marchiori. “Por isso, tenha sempre em casa sucos em embalagens longa vida, legumes pré-prontos, frutas secas, tudo fácil de armazenar por muito tempo.”


8. Pare de arrumar desculpas

Justificativa é o que não falta para explicar a compra do vestido caríssimo (“Enfim, vou sair com aquele gato!”) ou chegar ao encontro com 20 minutos de atraso (“O trânsito estava péssimo”). O truque para contornar esses obstáculos é detectar a armadilha antes de cair nela.

Como chegar lá: aposente as velhas desculpas. Se você tende a não ser pontual, defina suas prioridades com antecedência e elimine os compromissos menos importantes. Quanto à compulsão para compras, procure ser criativa com as roupas que você tem em vez de correr para o shopping sempre que não tiver certeza sobre o que deve vestir.


9. Seja paciente

Mudanças não ocorrem instantaneamente, especialmente se você está tentando perder peso ou pretende dizer adeus aos maus hábitos. Ninguém pára de roer as unhas ou consegue emagrecer 5 quilos da noite para o dia. É um processo lento e você deve trabalhar todos os dias para ter êxito.

Como chegar lá: não se sinta culpada quando não atingir um objetivo. Se você está tentando parar de roer as unhas, mas se pega com a mão na massa cada vez que se sente ansiosa, respire fundo e desvie o pensamento para outras coisas. Com o tempo, vai notar que prestar atenção no mau hábito para se livrar dele dá resultados.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s