Bike: 6 dicas para pedalar com segurança

Está pensando em adotar a bicicleta? Ótimo! No parque, na ciclovia ou na praia, nós revelamos os cuidados que você deve ter na hora de passear

O trânsito caótico das grandes cidades realmente não é convidativo para andar de bicicleta. É aí que as ciclovias, acessórios de segurança e os grupos entram em ação. Se você está pensando em adotar a magrela, confira os cuidados que podem evitar acidentes e ajudam a gente a pedalar livre, leve e solta!

1. Arrume um grupo para pedalar
“20, 30 pessoas juntas impõem muito mais respeito numa via movimentada do que uma garota sozinha”, diz Sérgio Affonso, fundador do Clube Amigos da Bike (CAB), que organiza pedais noturnos em São Paulo. Para Renata Falzoni, bike repórter e cicloativista, com um grupo você tem mais visibilidade, mas isso não deve ser um motivo para você desistir das pedaladas. “Se você não está segura de andar sozinha, pode procurar um bike anjo. O ciclista experiente vai fornecer várias dicas de caminho e também truques para você andar melhor”, orienta.

2. Vai pedalar à noite? Use roupas com refletivo
Utilizando as roupas com tiras que se iluminam com a luz, você se torna mais visível. Logo, afasta os carros e garante a sua segurança. Mas, Renata alerta: “a segurança não deve ser dada somente por capacetes, mas também pelo motorista que deve ficar de olho em quem está na bike”. 

3. Não se esqueça do capacete
O capacete foi criado para proteger a sua cabeça em uma eventual queda ou das árvores, se você costuma andar em parques ou ruas arborizadas. Mas ele não é a única forma de proteção, você também pode apostar nas luvas e óculos.

4. Cuidado com o calçado
Andar de sandália, chinelo ou rasteirinha não tem problema, mas bater o dedo na guia pode ser muito dolorido. Por isso, antes de escolher o sapato que você vai usar, verifique o local em que você vai pedalar.

5. Respeite as placas de trânsito e fique de olho nos sinais
Andar de bike é uma delícia, mas você deve ficar atenta. Se estiver fora da ciclovia, respeite as placas de trânsito. “Existe uma regra, não escrita, mas aceita e abençoada pela prefeitura que diz: pedale usando a faixa inteira da direita. Você precisa se posicionar para o motorista enxergar a sua existência. Ficou insegura? Vá para a calçada e cuidado com os pedestres. O bom senso no trânsito é um principio fundamental”, revela Flávia.

6. Pisca-pisca na traseira da bike? Sempre!
Nós já dissemos em outros tópicos que sinalização é tudo! Por isso, pisca-pisca é mais uma maneira de reforçar a sua presença na pista.

Para incentivar o uso de bicicleta, a prefeita da cidade de são Paulo lançou alguns vídeos com dicas para os ciclistas novatos. Confira duas versões bem legais:

 

 

 

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s