4 estratégias para não deixar o calor atrapalhar o seu treino

Na praia, no parque ou no quintal de casa... malhar ao ar livre é uma delícia. Mas, fique ligada: o calor intenso pode prejudicar a sua saúde e o seu treino!

Por Redação Boa Forma Atualizado em 22 out 2016, 15h35 - Publicado em 20 set 2015, 06h40

O verão pede, sim, um treino ao ar livre. Mas, com as altas temperaturas – típicas do nosso país tropical – você precisa tomar alguns cuidados extras para não desidratar, sofrer cãibra, ou pior, se machucar. Confira, a seguir, dicas para suar com segurança:


1. Use (e abuse!) da água

Ninguém tem dúvida de que manter o corpo hidratado é regra obrigatória para ficar com a saúde, a beleza e a disposição em dia. Por isso, nada de esquecer a garrafinha em casa. Seja para beber ou para jogar no corpo durante o exercício, ela é um item indispensável para o seu treino.


2. De olho na intensidade e nos horários

Se você está acostumada a treinar na academia, por exemplo, precisa de um tempo para se acostumar com a nova temperatura. O truque, aqui, é moderar a intensidade dos exercícios para não sobrecarregar o corpo. Ou, então, optar os horários em que o sol está menos intenso (manhã e noite).


3. Não desanime

O calor faz com que tudo fique mais difícil e que você sinta um cansaço fora do normal. Mas você não precisa desistir de treinar. Fique alerta com os sinais de exaustão como transpiração intensa, tontura, náusea e dor de cabeça. Sentiu algum deles? Está na hora de interromper a malhação.


4. A cãibra deu sinal? Pare o exercício

A cãibra é um sinal de que o seu corpo está cansado. Logo, é melhor não ignorar! Para evitar os espasmos musculares, você pode apostar em alimentos ricos em potássio e magnésio, como as bananas. Se as dores continuarem, não precisa ter vergonha! É só parar o treino. 

Continua após a publicidade
Publicidade