Como cuidar do cabelo antes, durante e depois dos treinos 

Sim, o suor pode comprometer a saúde dos fios. Mas isso não é desculpa para trocar a academia pelo sofá! Basta colocar em prática os ensinamentos de experts

Por Camila Neves (colaboradora) - Atualizado em 17 fev 2020, 15h09 - Publicado em 18 ago 2017, 17h58

Quem é do time que não fica um dia sem exercícios físicos sabe que os benefícios são incontáveis: a disposição aumenta, o metabolismo dispara, o corpo seca… Mas o cabelo sofre. Ah, como sofre! Principalmente após treinos intensos, quando há necessidade de fazer uma lavagem caprichada porque você suou em bicas.

Leia mais: Quais ativos são importantes para hidratar o cabelo em casa?

Composto de água, ureia, ácido úrico e cloreto de sódio, o suor pode resultar em doenças e queda capilar devido à proliferação de bactérias e fungos. Sem falar no odor desagradável – daí a necessidade de manter o couro cabeludo higienizado faça chuva, faça sol. “Isso não quer dizer que é preciso lavá-lo sempre; depende do tempo da atividade realizada e do tipo do fio”, esclarece o dermatologista Amilton Macedo, de São Paulo. No caso de suas raízes serem oleosas, vale encarar o chuveiro sempre que se exercitar.

Fique de olho

Para ter fios saudáveis e bonitos apesar do treino power, a escolha de produtos específicos para seu tipo de cabelo é obrigatória. Além disso, os movimentos bruscos durante a lavagem e a secagem com aparelhos de calor estão proibidos. Hidratação regular – mesmo com oleosidade extra! – é mais do que recomendável. O dermatologista ainda indica ter sempre em mãos uma toalha para secar o excesso de líquido durante os treinos.

Leia mais: Como driblar 3 erros que você comete com os fios no inverno

Levantamos mais dicas com uma nova safra de meninas que não abre mão de boas doses fitness — e de manter muita beleza em dia:

Stéphannie Oliveira, 26 anos 
@stephannieo 

View this post on Instagram

Elas foram embora, mas a gente brinca mesmo assim! || They are gone, but we have fun even though! 🌊🌊🌊 @mattheus7 #spreadthelove #soulsurfer

A post shared by Steph Olive ♡ (@stepholive) on

Adepta de todos os esportes (mesmo!), a modelo-missionária tenta treinar todos os dias – de preferência ao ar livre – e ter uma alimentação balanceada. “Quando saio da linha, sinto que os fios ficam mais ressecados”, revela. Sua maior arma? Proteína aplicada antes, durante e depois de qualquer atividade física. “Sempre fiz muito esporte na praia. Só o tratamento com proteína recuperou os fios detonados pelo sol e mar”, lembra a filha do ex-jogador de futebol Bebeto.

Luiza D’Angelo, 28 anos 
@ludangelo 

https://www.instagram.com/p/BXdB5_zgibV/?taken-by=ludangelo

Continua após a publicidade

Influencer de moda com os dois pés no fitness, Lu contabiliza cinco meias maratonas e corpo esculpido com corrida, muay thai, spinning e funcional. “Não costumo lavar o cabelo depois de todos os treinos, alterno dia sim, dia não. E amo aplicar óleo de coco orgânico para revigorar”, conta.

Gisela Saback, 28 anos 
@giselasaback

View this post on Instagram

Músculo não sabe que hoje é sábado e também não sabe contar…Então é pesado mesmo, e quantas repetições aguentar 🙈 💪🏼Treino com ele é assim 🔪☠️ @cassiofidlay #projetoGiSaback #teamcassiofidlay #sousett #treino #superiores

A post shared by Gisela Saback (@giselasaback) on

A influencer de saúde e bem-estar só tem o domingo como day off e anda focada no ganho de massa muscular. Disciplinada, ela segue à risca os conselhos da dermatologista Isabella Rezende: no prato, alimentos ricos em ferro (beterraba), vitamina A (cenoura), vitamina C (laranja), ômega-3 (salmão) e zinco (amêndoas). “No cabelo, uso apenas produtos sem sal e massageio o couro cabeludo durante a lavagem, para ativar a circulação sanguínea”, entrega.

Juliana Calcena, 31 anos 
@jucalcena

View this post on Instagram

It's a match 🌈 @safettibrasil #cycling #mcpperformance #safettiteam

A post shared by Juliana Calcena (@jucalcena) on

No marketing da Schutz há sete anos, a carioca treina triatlo (corrida + ciclismo + natação) de segunda a sábado. “Como a maior parte das atividades é ao ar livre, não abro mão de leave-in com filtro solar.” Juliana ainda acredita na beleza de dentro para fora. “Como frutas, legumes e verduras e evito fritura e alimentos gordurosos. Não gosto mesmo. Doces e refrigerante também não são minha praia”, diz.

 

Continua após a publicidade
Publicidade