Por que o sulfato virou o “vilão” dos cabelos?

A substância, um adstringente poderoso, pode ressecar e tornar os fios mais quebradiços

Por Marcela De Mingo Atualizado em 17 dez 2021, 14h48 - Publicado em 24 dez 2021, 08h00

Qualquer mulher, em algum momento, ouviu falar sobre o sulfato e a sua presença nos shampoos usados com frequência para lavar os cabelos. Mas o que essa substância faz e porque ela é considerada um vilão dos fios? Vamos entender isso hoje. 

O que é e para que serve o sulfato? 

Ana Clara Branches Simiões, dermatologista pela Universidade Federal de São Paulo e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia explica: “O sulfato é um tipo de detergente (ou surfactante) que é adicionado comumente em produtos de higiene, como shampoos, pastas de dente, sabonetes de limpeza facial ou corporal”. 

Ou seja, o sulfato é um ativo e é responsável pela formação da espuma, com um potencial de limpeza profunda, removendo bem a oleosidade. O seu exemplo mais comum é o “Sodium lauryl sulfato”, presente em muitos rótulos. “Existem quatro tipos de surfactantes, sendo os sulfatos apenas uma classe deles e o com o maior poder de limpeza profunda”, explica a médica. 

Quando o assunto são os cabelos, Dra. Ana Clara conta que os sulfatos limpam aumentando a carga negativa dos fios e, por isso, podem acabar ressecando os cabelos, deixando-os mais frágeis e até quebradiços, principalmente os fios naturalmente ressecados e com menos lubrificação e em cabelos que sofreram danos químicos. “Geralmente agentes condicionantes são adicionados nas formulações dos shampoos na tentativa de minimizar tais efeitos. No entanto, pensando em criar técnicas que previnam a quebra dos fios e mantenham o equilíbrio da hidratação, os sulfatos foram substituídos por outros surfactantes em técnicas low-poo, no-poo e co-wash”, continua. 

Aliás, as técnicas low-poo (shampoos com adstringentes), no-poo (shampoos sem sulfatos) e co-wash (usar apenas o condicionador para lavar os cabelos) se tornaram populares depois que as informações sobre os sulfatos começaram a vir a público. Afinal, ninguém cabelos mais ressecados e quebradiços, certo? 

“Se você possui o cabelo naturalmente oleoso ou usa silicones e óleos minerais com frequência, o uso eventual de shampoos com sulfato pode ser recomendado  para impedir que os resíduos se acumulem e mantenham seus fios e couro cabeludo saudáveis”, aconselha a médica. 

Continua após a publicidade

Publicidade