Imagem Blog

BOA FORMA responde

Vamos atrás dos melhores especialistas para tirar suas dúvidas
Continua após publicidade

O que é hidrocefalia e como identificar?

Por Ygor Peçanha Alexim
27 dez 2022, 08h07

A hidrocefalia é definida como aumento da quantidade de líquido cefalorraquidiano dentro da caixa craniana . Sua principal consequência clínica imediata é a hipertensão intracraniana, a qual muitas vezes exige pronto tratamento cirúrgico.

A hidrocefalia se apresenta, fundamentalmente, como manifestação de algum estado mórbido subjacente, como tumores, infecções, hemorragias intra-cranianas, mau funcionamento de válvula de derivação instalada previamente que possa contribuir com a elevação da pressão intra-craniana.

A fase aguda se manifesta através de sintomas como vômitos, sonolência ou rápido rebaixamento do nível de consciência.

Em recém-nascidos ou em lactantes, a hidrocefalia pode se manifestar com aumento progressivo do permito cefálico e tendem a ser mais inespecíficos, manifestados também muitas vezes como sintomas de irritabilidade.

Em adultos a hidrocefalia é caracterizada por hipertensão intracraniana, que pode ser caracterizada pela hipertensão arterial sistêmica, bradicardia e padrão respiratório irregular.

Continua após a publicidade

Quadros crônicos ou agudizados podem se manifestar ainda sintomas de hidrocefalia crônica, como cefaléia crônica, com piora após o despertar, vômitos e letargia.

Em idosos, podem mimetizar quadro de demência, denominado Hidrocefalia de Pressão Normal, com declínio cognitivo, incontinência urinária e distúrbios da marcha.

Grande parte dessas doenças acomete tipicamente a faixa etária infantil, o que coloca a hidrocefalia como assunto de particular interesse para a Neurocirurgia Pediátrica.

Respondido por:

Dr. Ygor Peçanha Alexim (Neurocirurgião do Instituto de Ciências Neurológicas de São Paulo (ICNE-SP). @icne.sp

Publicidade