Afinal, a soja é saudável? Nutri responde.

Veja quais as diferenças entre o grão orgânico e o transgênico

Soja é saudável? A resposta é sim, mas o segredo é priorizar sempre a versão orgânica do grão. “A soja faz parte do grupo das leguminosas, como o grão-de-bico e o feijão. O problema é que a soja transgênica contém fertilizantes e agrotóxicos. Estes, por sua vez, acrescentam xenobióticos em nosso corpo, que, em exagero, desequilibram o seu funcionamento”, explica a nutricionista e gastróloga Gabriela Cilla, da Clínica NutriCilla. Por isso, de acordo com a especialista, é recomendado que você consuma, no máximo, uma ou duas vezes na semana.

Contudo, ela ainda é ótima nutricionalmente falando. Além de fonte de proteína vegetal (é por isso que muitos produtos veganos e vegetarianos são feitos à base do grão), a soja pode diminuir o colesterol ruim e aumentar o bom graças ao fitoesterol presente. Sem contar que é uma ótima fonte de fibras, que garantem saciedade e ajudam na digestão. “Seu composto isoflavona também pode ajudar muito as mulheres na pré ou pós-menopausa”, complementa a nutricionista. 

Já os homens precisam de cuidado para consumir esse composto. “Ela diminui o estradiol, podendo gerar ginecomastia e o aumento de gordura na região das pernas para eles. Em casos mais extremos, tem a ver com a perda de libido e até infertilidade”, diz Gabriela. 

O que fazer então? 

Sempre que for ao mercado, procure a certificação orgânica na embalagem, que é representada por este selinho abaixo. Se tiver a letra T, quer dizer que é transgênico. 

 (Divulgação/Divulgação)

E isso vale para os derivados também, viu? Proteína texturizada de soja (aquela que muitas pessoas usam para substituir a carne em pratos como o strogonoff, picadinho, etc), leite vegetal, tofu e até shoyu são melhores se feitos com soja orgânica.

Já os preparos podem ser os mais variados. Muita gente gosta de cozinhar como feijão para consumir em dias que deseja variar um pouco o cardápio. Outros acrescentam na salada e incrementam o vinagrete de um jeito diferente. 

Mas também é possível transformar a soja em um snack. “Vale levar ao forno com azeite, pimenta e os temperos que preferir. Fica crocante como um crispy”, ensina a especialista. 

Em lojas de produtos saudáveis, encontramos a farinha de soja. “Mas nunca a consuma crua. A farinha pode ter microorganismos que a gente só se livra com o cozimento”. Confira a seguir algumas receitas com soja nutritivas e deliciosas: 

Hambúrguer de soja 

Hambúrguer de soja

Panqueca vegetariana 

 (Divulgação/Divulgação)

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s