Estudo sugere quantidade diária ideal de café para uma boa saúde

Pesquisa robusta notou que quem consome cerca de 3 xícaras por dia da bebida tem menor risco de sofrer com doenças sérias

Por Redação BOA FORMA Atualizado em 17 fev 2020, 14h59 - Publicado em 24 nov 2017, 15h31

É cada vez maior o número de trabalhos científicos apontando os benefícios do café para a saúde. Daí porque pesquisadores da Universidade de Southampton, no Reino Unido, decidiram revisar alguns desses estudos (218, especificamente) para entender de vez quais são as benesses associadas à bebida.

Leia mais: Café descafeinado também traz benefícios à saúde, diz estudo

E os resultados, publicados na última quarta-feira (22) na revista científica The BMJ, são animadores. Segundo os artigos analisados, três xícaras de café por dia são capazes de reduzir em 19% o risco de doenças do coração e em 30% a probabilidade de morrer por derrame. Além disso, quem consome mais a bebida está 18% menos propenso a ter câncer em relação a quem não é muito chegado ao líquido rico em cafeína.

Outra associação importante: aqueles que costumam tomar qualquer quantidade de café estão 39% menos sujeitos a desenvolver cirrose em relação aos que nunca bebem um cafezinho.

Entenda: 9 alimentos para incluir no café da manhã se você quer emagrecer

“A ingestão de café parece ser segura quando acontece em níveis normais”, dizem os autores do artigo. Os trabalhos revisados mostram que os benefícios para a saúde acontecem com um consumo diário de três a quatro xícaras da bebida.

Ficou animada? Calma lá! Os cientistas britânicos ponderam que estudos maiores ainda são necessários. Além disso, pesquisas indicam que gestantes e pessoas com problemas ósseos podem não se beneficiar tanto do café. Então, vale a pena checar com seu médico ou nutricionista se tomar alguns cafezinhos a mais seria uma boa para você.

Assine nossa newsletter e fique por dentro das últimas notícias de BOA FORMA

  • Continua após a publicidade
    Publicidade