Meditação, reiki e quiropraxia agora fazem parte do SUS

Foram incluídos no Sistema Único de Saúde sete novos tratamentos de práticas integrativas

Os usuários da rede pública de saúde brasileira podem contar com novas formas de tratamento. No último dia 13 de janeiro, foi publicada no Diário Oficial da União a inclusão de sete práticas integrativas complementares (PICs) no Sistema Único de Saúde (SUS). São elas: arteterapia, meditação, musicoterapia, quiropraxia, reiki e tratamentos naturopático e osteopático.

Leia mais: 7 dúvidas esclarecidas sobre quiropraxia

Esses procedimentos já são realizados em vários municípios do país, mas, agora, o benefício se estende a todo o território nacional. Segundo o Ministério da Saúde (MS), atualmente, mais de 7 700 estabelecimentos de saúde oferecem alguma prática integrativa complementar, o que representa cerca de 28% das unidades básicas de saúde.

De acordo com a pasta, desde que essas terapias começaram a ser oferecidas, tem aumentado muito a procura por elas. “Este movimento de crescimento deve-se a diversos fatores, entre eles o maior reconhecimento dessas práticas pelas evidências científicas e mesmo por sua efetividade pragmática facilmente verificável pelos beneficiados”, afirmou o ministério, em nota. O MS também destacou que a inclusão desses tratamentos segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Entenda: Reiki nas mãos da ciência

A seguir, entenda o que é cada uma das novas práticas:

Arteterapia

Por meio desse método, o paciente explora o consciente e o inconsciente a partir da expressão artística – pintura, desenho, modelagem, escultura, poesia, dança…

Meditação

Conjunto de técnicas que permite treinar o foco, a atenção e melhorar o bem-estar emocional.

Musicoterapia

É a utilização da música para ajudar no tratamento ou na prevenção de problemas de saúde mental.

Quiropraxia

Procedimento terapêutico que diagnostica, trata e previne desordens do sistema neuroesquelético.

Reiki

Trata-se de uma energia inteligente, que vai direto para o ponto em que o paciente está precisando de tratamento.

Naturopatia

Utiliza de recursos naturais para tratar e recuperar a saúde.

Osteopatia

Trata problemas articulares e de tecidos por meio da terapia manual.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. É inacreditável que vão usar dinheiro público para terapias placebo.
    É inacreditável que alguém no Ministério da Saúde tenha dito que a ciência tem dados que comprovam a eficiência de várias dessas aberrações esotéricas e pseudocientíficas.
    Esse pais piora a olhos vistos.
    Já é uma vergonha a qualidade do serviço público de saúde de medicina que funciona, agora vai virar uma zona.

    Curtir