/Movimente-se (em casa), por Cau Saad A educadora física Cau Saad ensina treinos e dicas exclusivas para os seguidores de Boa Forma

Exercícios para o corpo todo, por Cau Saad

A nossa colunista ensina para você os exercícios integrados: movimentos que trabalham várias regiões de uma vez só. Ótimos para os dias mais agitados!

Por Cau Saad Atualizado em 14 abr 2021, 19h35 - Publicado em 20 abr 2021, 09h00

Quer um treino rápido, potente e que trabalha muitas regiões? Em vez de fazer vários movimentos diferentes, aposte nos exercícios integrados para o corpo todo! Confira:

Recomendações: 

Iniciante – 2 séries de 25 segundos cada exercício;

Intermediário – 3 séries de 30 segundos cada exercício;

Avançado – 4 séries de 40 segundos cada exercício.

Exercícios integrados para o corpo todo

1 – Climber + prancha abre e fecha a perna

Como fazer: Na posição de prancha alta (com as mãos apoiadas no chão no lugar dos antebraços), traga um joelho em direção ao peito de cada vez, com movimentos rápidos e contínuos. Depois, retorne à posição inicial. Dê um impulso e abra as duas pernas. Dê outro impulso e feche-as. Repita.

2 – Agachamento + afundo 

Como fazer: Em pé, com as pernas afastadas um pouco além da largura do quadril e os pés virados para fora, agache o máximo que conseguir, tomando cuidado para não trazer os joelhos para dentro durante a descida. Retorne e vire o corpo para o lado, deixando um pé na frente do outro. Agache, de modo que os dois joelhos formem ângulos de 90°. Faça outro sumô e vire para o outro lado, para fazer o afundo com as pernas trocadas.

3 – Corrida estacionária + climber

Como fazer: Imite uma corrida no lugar. Dê um salto e caia com as mãos e os pés apoiados no chão, em posição de prancha alta. Depois, traga um joelho em direção ao peito de cada vez, com movimentos rápidos e contínuos.

Continua após a publicidade

4 – Flexão de braço + prancha tríceps

Como fazer: Com os joelhos e as mãos apoiados no chão, flexione os cotovelos para aproximar o peito do chão. Retorne. Apoie os pés no chão e estique as pernas para ficar na posição de prancha alta. Coloque um antebraço no chão de cada vez e retorne. Repita.

5 – Gangorra + agachamento com deslocamento

Como fazer: Em pé, com os pés afastados na largura do quadril, agache até encostar o bumbum no chão. Com o corpo enrolado, segure as mãos no joelho e vá para trás, fazendo as costas rolarem no chão. Retorne e dê uma passo para a direita. Agache. Retorne e dê um passo para a esquerda. Agache novamente.

6 – Alongamento dinâmico + mobilidade escapular

Como fazer: Em pé e com as pernas afastadas, coloque as mãos atrás das orelhas. Com as pernas estendidas (e a coluna reta), flexione o quadril e abaixe o tronco o máximo que conseguir. Retorne com a coluna reta. Estique os braços em direção ao teto e retorne.

7 – Elevação pélvica + elevação pélvica unipodal

Como fazer: De barriga para cima, apoie os pés no chão e deixe os braços esticados em direção ao teto. Empurre com as pernas para tirar o bumbum do chão até formar uma linha reta com o corpo. Retorne. Tire os pés do chão e deixe os joelhos formarem ângulos de 90°. Retorne. Repita o movimento três vezes e, então, faça com um lado de cada vez.

8 – Mobilidade de quadril + mobilidade torácica

Como fazer: Em posição de prancha alta, traga um dos pés próximos ao peito o máximo que conseguir. Então, tire a mão do mesmo lado do chão e leve-a em direção ao teto (a cabeça e o tronco acompanham o movimento). Retorne (primeiro o tronco, depois o pé). Repita do outro lado.

Continua após a publicidade
Publicidade