A dose certa de proteína que evita riscos à saúde

Não é balela: extrapolar no consumo do nutriente pode ameaçar pra valer o organismo

Por Manuela Biz e Eliane Contreras - 5 Maio 2018, 07h00

Afinal, é mesmo arriscado consumi muita proteína? Sim! A quantidade do nutriente consumida acima do recomendado (até 1 grama por quilo de peso se você faz atividade física) é dispensada pela urina. “Mas não sem antes sobrecarregar os rins, que, a longo prazo, podem deixar de funcionar como deveriam”, alerta o endocrinologista Pedro Assed, do Rio de Janeiro.

Então, se você pesa 60 quilos, não ultrapasse 60 gramas diários de proteína. Melhor: fracione essa porção entre as cinco refeições, já que o organismo consegue absorver no máximo 9 gramas por hora (o equivalente a 1/2 pote de iogurte grego, 1/3 de bife de carne vermelha ou 1 ovo e meio).  E nem pense em suplementar sem a recomendação e o acompanhamento de um nutricionista, nutrólogo ou endocrinologista, ok?

Publicidade