Medite quinze minutos por dias com estes 4 passos

A prática pode aumentar a concentração e te dar mais ânimo para enfrentar o dia

Já ouviu aquela expressão, mente sã, corpo são? Ela é super válida para os dias atuais. Afinal, precisamos estar bem com nós mesmas para conseguir encarar os muitos desafios diários que nos aparecem, não é mesmo? Sejam eles finalizar o treino do dia, aumentar a distância da caminhada, encarar uma longa reunião… Em todos esses momentos, estar concentrada e preparada para as tarefas é crucial. 

Muita gente já aderiu e defende a prática da meditação no dia a dia. Ela trabalha nosso cérebro assim como a atividade física fortalece as partes musculares. Muita gente esquece que a saúde mental e emocional andam juntas com a saúde do corpo, explica o professor de meditação Thi Arruda, de São Paulo. Ele vem ensinando empresários e atletas de elite a melhorarem seus desempenhos nos últimos 15 anos. Meus treinamentos estimulam o autoconhecimento, a inteligência emocional e o foco mental, explica Thiago. 

Segundo ele, ao tentarmos controlar nossas ondas mentais com a meditação, produzimos uma concentração profunda, que pode chegar ao estado de mindfulness — atenção plena. Se seguirmos por esse caminho, atingiremos o cessamento dessas ondas, ou aquela ideia que todo mundo fala de não pensar em mais nada. E ele garante: você se sentirá mais disciplinada, compromissada com os objetivos e com muito mais energia para enfrentar os dias mais cansativos. 

Mas calma. Você não precisa ser uma guru da meditação para aproveitar os benefícios da prática. Com quinze minutos por dia, Thi Arruda ensina etapas bem fáceis para fazer em casa. Tudo o que você precisa é de um lugar propício. Veja só: 

Como meditar em 15 minutos: 

1. Prepare-se

A atitude importa até quando você vai fazer algo sozinha, sabia? Por isso, um pouco antes de começar a sessão, coloque na cabeça que, em instantes, você vai se concentrar e conectar consigo mesma. Vale escolher um ambiente que te deixe confortável. Pode até colocar uma música que você curta, como rock, afirma Thiago Arruda.

2. Atente-se à postura

Busque um lugar firme e confortável para sentar, e que te deixe com a coluna o mais ereta possível. Isso melhora a circulação e deixa a pessoa mais atenta, explica o professor.

3. Escolha um ponto fixo 

E concentre-se nele. Ao longo dos 15 minutos, volte para o ponto toda vez que perceber que seu pensamento está divagando.

4. Trabalhe a respiração

Agora, é hora de começar a gerenciar sua respiração. Sempre com o nariz, inspire por 4 segundos, prenda o ar nos pulmões por mais 4 e solte em outros 4 também. O ritmo estabiliza emoções, aquieta pensamentos e traz mais concentração, diz Thi Arruda. Com o tempo, vá aumentando os segundos que inspira, prende e solta na mesma proporção. 

De acordo com o professor, inicialmente você não precisa se preocupar com o melhor horário para meditar, basta adotar o hábito. Depois de uma certa experiência, faça ao acordar e antes de dormir, bem como antes de grandes eventos.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s