Não resista: treino de corpo todo com elástico de resistência por Cau Saad

O acessório é pequeno, mas poderoso: intensifica o exercício sem precisar de pesos

Por Amanda Panteri - Atualizado em 17 set 2020, 14h28 - Publicado em 16 set 2020, 09h00

Desde o início da quarentena, os sites de itens esportivos notaram um grande crescimento na procura por equipamentos para se exercitar. Objetos como cordas, colchonetes e pesos foram muito requisitados, só perdendo para as famosas faixas de resistência. Pequeno, prático e fácil de usar, o acessório parece ser o melhor amigo das sessões em casa. A personal trainer Cau Saad (@causaad), proprietária do Instituto Cau Saad (@institutocausaad) explica quais os benefícios que um treino com elástico de resistência pode proporcionar:

  • “Um único elástico pode ser usado para trabalhar vários grupos musculares”;
  • “Fortalece as articulações”;
  • “Aumenta a resistência muscular”;
  • “Melhora a flexibilidade”;
  • “Trabalha a amplitude dos movimentos”;
  • “Estimula a consciência corporal”;
  • “Auxilia no ganho de força.”

As faixas são vendidas em uma infinidade de opções, tamanhos e tipos: trançadas, com e sem alças, finas, grossas… Geralmente são divididas por níveis (fácil, intermediário e difícil) e, por isso, podem ser usadas por pessoas de todas as idades — basta escolher a que melhor atende seu nível seu aptidão física. “Uma dica valiosa é ficar de olho em pequenos rasgos, frouxidão e fissuras no elástico. Com o tempo, ele pode sofrer um desgaste natural e causar acidentes”, aconselha Cau Saad. Confira algumas opções e não perca, abaixo, o treino com elástico de resistência exclusivo que a equipe da profissional montou para a BOA FORMA:


Sugestões de compra: faixas de resistência

Treino com elástico de resistência
Americanas/Divulgação
Treino com elástico de resistência
Submarino/Divulgação
Treino com elástico de resistência
Shoptime/Divulgação

Treino para corpo todo com elástico de resistência

Faça 3 sets de 15 repetições de cada movimento, aguardando 45 segundos antes um set e outro.

1. Remada curvada

O que trabalha: Região dorsal, bíceps e músculos paravertebrais.

Como fazer: Comece com o tronco inclinado, as costas retas e o abdômen contraído para manter a postura. Deixe um pé na frente e outro atrás, com a faixa presa no pé que está na frente. Depois, flexione o cotovelo, trazendo-o para trás e para cima. Retorne devagar.

2. Abdução + agachamento

O que trabalha: Glúteos médio e máximo, quadríceps e posterior de coxa.

Continua após a publicidade

Como fazer: Comece com as pernas unidas e com o elástico na linha dos calcanhares. Afaste a perna lateralmente (sem arrastar o pé). Depois faça o agachamento, mantendo as pernas em afastamento lateral e os glúteos contraídos. Repita para o outro lado.

3. Abdominal transverso

O que trabalha: Abdômen, com ênfase em oblíquos.

Como fazer: Prenda o elástico em uma superfície (vale o corrimão da escada). De lado, segure-o com as duas mãos sem tensionar os ombros. Faça uma rotação do tronco, ativando o abdômen. Troque de lado e repita o movimento.

4. Crucifixo

O que trabalha: Peitoral, tríceps e músculos estabilizadores do tronco.

Como fazer: Ainda com o elástico preso em uma superfície, vire de costas para ele e segure-o com as duas mãos. Deixe as pernas afastadas (uma na frente da outra),  a postura ereta e o abdômen contraído. Mantendo a posição inicial, feche os braços na frente do corpo. Retorne lentamente.

5. Mobilidade articular

O que trabalha: Mobilidade das articulações, cintura escapular e coluna.

Como fazer: Segure o elástico com as duas mãos e na frente do corpo. Leve os braços para trás (na amplitude que seu corpo permite). Retorne. Finalize flexionando o tronco à frente, como se suas mãos quisessem tocar os pés (mantenha as pernas esticadas).

Continua após a publicidade
Publicidade